Outros Tratamentos

Tratamento, sintomas e prevenção de Condiloma Acuminado

O condiloma acuminado, também conhecido como verruga genital ou crista de galo, é uma DST causada pela presença do HPV, Papilomavírus humano. É a doença sexualmente transmissível mais comum a nível mundial afetando cerca de 35 milhões de pessoas.

Nessa página ficará a conhecer um pouco mais sobre como surgem, quais os sintomas e como fazer o tratamento de condiloma acuminado com recurso a remédios eficazes.

Sinais e Sintomas de Condiloma Acuminado

O aparecimento de condiloma acuminado ou verrugas, é causado pelo vírus HPV. O vírus leva a sintomatologia na forma de condilomas (verrugas) em formato couve-flor com coloração rosada, úmidas e macias e com tamanhos variáveis.

Nas mulheres, o mais comum são os condilomas vaginais, na vulva e na região do colo do útero, enquanto nos homens, os sintomas mais comuns são os condilomas genitais, tanto no pênis como no anûs (condiloma perianal). Em ambos os sexos, pode acontecer também de surgirem verrugas na boca ou na garganta.

Há também a possibilidade de que essas verrugas ou condilomas, não apareçam e que a pessoa que está sofrendo de HPV não sinta nenhum sintoma. Por esse motivo, além do uso de camisinha, as pessoas devem realizar exames preventivos para detetar essa doença o quanto antes. Quando os sintomas são visíveis, como no caso das verrugas, o risco do câncer é ainda maior.

Sintomas no HomemSintomas na Mulher Sintomas para ambos
No organismo feminino, as verrugas costumam se desenvolver na vulva, vagina, colo do útero. Prevalência de condilomas na genitália masculina, sendo o pênis e o anûs os locais mais afetados. Em ambos os sexos, o ânus, garganta, boca, pés e mãos são locais em que o vírus do HPV costuma se manifestar em forma de condilomas.

Se o tamanho dos condilomas continuar a aumentar num curto espaço de tempo, procure aconselhamento médico e/ou tratamento para verrugas genitais de imediato. Evite contato sexual durante período sintomático pois a camisinha só protege contra verrugas penianas.

Tratamento de Condiloma Acuminado

O tratamento para condilomas acuminado ou para HPV deve ser indicado por um médico após exame ginecológico, no caso das mulheres, ou urológico, no caso dos homens. Existem vários tipos de tratamento:

  • Tratamentos Naturais - chás, vinagre e outros produtos com pouca eficácia.
  • Tratamentos Mecânicos/Cirúrgicos - Cirurgia, remoção a laser e crioterapia. Têm maior eficácia mas podem ser muito dolorosos e com perigos associados
  • Tratamentos Medicamentosos - Opção mais eficaz e menos invasiva. Existem alguns remédios em forma de pomada que foram especialmente comprovados para tratar o HPV, com aprovação no Brasil pela ANVISA.

Pomadas para tratamento de Condiloma Acuminado (Verrugas genitais)

Os medicamentos mais comuns que são utilizados nos tratamentos do condiloma acuminado, causado pelo HPV, são a pomada Imiquimode (Aldara) e a pomada de Podofilotoxina (Wartec).

A pomada Wartec Podofilotoxina está em falta no Brasil o que causa um problema pois é a mais procurada e prescrita pelos médicos. No entanto, pode importar de forma segura e isenta através de farmácias europeias como a EuroClinix

Nota importante é que apenas um médico pode prescrever os medicamentos, assim como a dosagem correta para o seu tipo de doença. Existem mais de cem tipos de HPV e eles podem transmitir diferentes problemas de saúde, sendo um deles o câncer, principalmente no colo do útero e no ânus.

Wartec
Wartec Podofilotoxina
Mais popular tratamento para verrugas genitais
Princípio ativo Podofilotoxina
Disponível em pomada ou solução
Mais sobre Wartec
Aldara
Aldara Imiquimode
Opção eficaz para tratar verrugas genitais
Princípio ativo Imiquimode
Disponível em sachés com creme
Mais sobre Aldara

Prevenção de Condiloma Acuminado

Além do uso da camisinha, a realização de exames e da atenção para o surgimento de verrugas no corpo, outra forma de se prevenir contra o HPV é tomando a vacina que pode proteger contra a maioria dos tipos de HPV existentes. Note que ela não pode proteger contra todos os tipos dessa doença, por isso é extremamente importante que você não deixe de tomar as outras medidas preventivas.

Quando você toma a vacina, seu corpo é estimulado a produzir alguns anticorpos específicos. A proteção do seu corpo vai depender da sua capacidade de produção desses anticorpos, da presença desses anticorpos devidamente nas áreas que podem ser infectadas, além do tempo em que eles são capazes de estarem presentes nessas áreas. Como cada organismo é único, não há como garantir a proteção. A vacina protege em 98,8% dos casos, ou seja, não são todos.

A substância da vacina está sendo usada desde 2007 no Brasil, tendo garantia de proteção de apenas 5 anos para cada indivíduo. Por outro lado, ainda não foram determinados a sua capacidade de ação com relação à incidência e à mortalidade do câncer de colo do útero.

Em Portugal a vacinação normalmente é realizada entre os 11 e os 13 anos de idade. As idades alternativas para a vacinação são dos 9-10 anos, dependendo da indicação médica e 14-26 anos em mulheres que não foram vacinadas ou não terminaram o ciclo da vacinação.

Conclusões e Recomendações acerca do HPV e Condilomas

  • Fique de olho nas áreas com potenciais de infecção do seu corpo;
  • Em caso de dúvida sobre se sofre de verrugas, consulte nossa página de imagens e fotos de condiloma acuminado.
  • Como o aparecimento de verrugas pode não acontecer, não deixe de fazer os exames rotineiros para prevenir os desdobramentos do HPV
  • Não deixe de fazer uso do preservativo, pois além da prevenção contra HPV, utilizando camisinha você também estará protegido contra todas as outras Doenças Sexualmente Transmissíveis como Clamídia, Gonorreia e Herpes Genital.
  • Procure informações sobre as datas e dosagens das vacinas contra o HPV. Existem várias páginas com perguntas e repostas sobre o HPV.

Fontes:

Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?