Pílula do dia Seguinte

Existem duas formas de contracepção de emergência: as pílulas contraceptivas de emergência (pílula do dia seguinte) ou o DIU (dispositivo intra-uterino). A escolha do método certo está dependente de vários factores e o questionário abaixo pode ser útil ao dar-lhe a ideia da melhor opção para si.

Questionário

Quando ocorreu o sexo desprotegido?

Date Picker



O que é a pílula do dia seguinte?

As pílulas do dia seguinte são vastamente utilizadas em todo o mundo. Algumas estão disponíveis para venda livre, outras apenas por prescrição. Mesmo que ache que está 100% apta a usar uma pílula do dia seguinte e a queira comprar em venda livre, um farmacêutico ou enfermeira também a vão questionar antes da compra. As questões médicas irão ajudá-los a determinar se é seguro para si tomar o medicamento escolhido. Se se sentir desconfortável ao consultar um farmacêutico ou enfermeira, pode encomendar a pílula do dia seguinte online, contudo, é importante ter em conta que a eficácia da pílula do dia seguinte depende do quão cedo a toma é feita após o sexo desprotegido.

A pílula contraceptiva de emergência Levonelle é aconselhada se a conseguir tomar dentro de 72 horas após o sexo desprotegido. Se tiverem passado mais de 72 horas desde que fez sexo desprotegido, a hipótese alternativa é a ellaOne, que pode ser tomada até 120 horas após o sexo desprotegido. Ambas são mais eficazes quando tomadas o mais cedo possível depois do sexo. Nenhuma das duas é eficaz se já estiver grávida e não podem ser usadas como forma contraceptiva ou para prevenir uma gravidez em curso.

Quando usar a pílula do dia seguinte

A pílula do dia seguinte, apesar de muito útil em situações de emergência, não deve ser usada como um método contraceptivo regular e nunca mais de uma vez por cada ciclo menstrual. Se actualmente utiliza outro método contraceptivo hormonal, pode continuar a tomá-lo normalmente, após usar a pílula do dia seguinte. É, contudo, recomendado que utilize um método de barreira até ao seu próximo período, especialmente se usou a ellaOne que contém acetato de ulipristal, que pode influenciar como a progesterona actua no corpo. Se vomitar três horas depois de ter tomado a pílula do dia seguinte, esta pode não ter tido tempo de actuar como devia e pode ter de tomar outra dose.

Escolher um Contraceptivo de Emergência

Qual pílula contraceptiva de emergência é melhor?

É questionável qual a melhor, se a Levonelle se a ellaOne. A ellaOne dura mais tempo e há evidência que durante os primeiros três dias após o sexo desprotegido, esta pode prevenir mais gravidezes que a Levonelle. Contudo, a ellaOne é um medicamento mais recente e por isso mesmo, não sofreu tantos ensaios como a Levonelle.

PRÓS CONTRAS
Levonelle
Levonelle
  • Está disponível há mais tempo, sendo mais clinicamente testada e são conhecidos os efeitos a longo-prazo
  • Eficaz se tomada dentro de 72 horas após o sexo desprotegido
  • Efeitos secundários mínimos
  • 95% eficaz se tomada dentro das primeiras 24 horas após o sexo desprotegido
  • Tem uma janela de 72 horas
  • Não é eficaz como contraceptivo frequente
  • A eficácia reduz-se com o passar do tempo
ellaOne
ellaOne
  • Pode ser tomada após 120 horas (5 dias) do sexo desprotegido, dando-lhe mais tempo para a tomar
  • Pode ser mais eficaz que a Levonelle
  • A eficácia da ellaOne mantem-se quase a 100% durante toda a janela de cinco dias
  • Contraceptivo de emergência recente, pouco conhecimento sobre os efeitos a longo-prazo. Poucos ensaios clínicos realizados
  • Pode afectar a pílula contraceptiva regular, aumentando o risco de gravidez se não for usada protecção adicional após a sua toma
  • Não é eficaz como contraceptivo frequente

Se não tem a certeza de qual contracepção de emergência é melhor para si, especialmente se sofre de condições pré-existentes ou toma medicação que pensa poder afectar a eficácia da contracepção de emergência escolhida, não hesite em contactar um dos nossos experientes médicos online, que a podem ajudar a escolher a forma mais certa de contracepção de emergência.

Efeitos Secundários da Pílula do Dia Seguinte

Ambas as pílulas do dia seguinte foram testadas para potenciais efeitos secundários, apesar de a Levonelle estar disponível há mais tempo do que a ellaOne e por isso ter sido sujeita a mais estudos clínicos e testes.

Neurológicos

As dores de cabeça ligeiras são um efeito secundário comum dos contraceptivos de emergência, podendo ocorrer tonturas. As vertigens são um efeito secundário menos comum.

Gástricos

Os efeitos secundários gástricos como a náusea e as dores abdominais são relativamente comuns e podem ser acompanhadas de vómitos. É menos comum experienciar alterações de apetite, apesar de estas poderem ocorrer.

Ginecológicos

Após tomar um contraceptivo de emergência pode experienciar hemorragias menstruais irregulares, dores menstruais ligeiras e alterações na sua libido

Olhos, Nariz e Boca

Algumas mulheres que tomaram contraceptivos de emergência têm relatado congestão do nariz e garganta e dores de dentes ligeiras. Alterações na visão, como o aumento da sensibilidade à luz, são raras.

Efeitos secundários da pílula do dia seguinte

Clique na zona do corpo pertinente para saber como esta pode ser afectada pela pílula do dia seguinte

Efeitos secundários da Levonelle

Os efeitos secundários desta pílula do dia seguinte não são graves, não afectam todas as pessoas e desaparecem após alguns dias da toma do medicamento. Os efeitos secundários mais comuns associados à pílula do dia seguinte são náuseas ligeiras e mal-estar. Outros efeitos secundários da Levonelle podem incluir alterações no ciclo menstrual, podendo o período vir mais cedo ou mais tarde que o habitual. Nalguns casos o seu período pode atrasar-se até cinco dias.

Num pequeno número de casos, pode ocorrer hemorragia irregular, mas se o seu próximo período se atrasar mais de cinco dias ou for invulgarmente pouco ou muito abundante, é importante que consulte o seu médico. É também aconselhado que consulte o seu médico se experienciar alguns efeitos secundários graves, se estes se tornarem incómodos ou se experienciar outros efeitos secundários que o preocupem.

MUITO COMUM COMUM MUITO RARO
Náuseas
Hemorragias menstruais irregulares
Dores abdominais
Fadiga
Perdas de sangue
Tonturas
Dores de cabeça
Sensibilidade mamária
Vómitos
Gravidez ectópica
Reacção alérgica

Efeitos secundários da ellaOne

A ellaOne é a pílula contraceptiva de emergência mais recente, apesar de continuar a ser considerada segura. Os efeitos secundários da pílula do dia seguinte associados à ellaOne são relativamente semelhantes aos da Levonelle. Os efeitos secundários mais comuns relatados após a toma da ellaOne são as cãibras abdominais, semelhantes às cãibras menstruais. Outros efeitos secundários menos comuns incluem hemorragias menstruais irregulares, dores de cabeça, hemorragias prolongadas, tonturas, cãibras no corpo e alterações de humor.

Abaixo encontra-se uma lista dos principais efeitos secundários comuns, pouco comuns e raros que podem ser experienciados depois de usar a ellaOne. Se algum destes efeitos secundários se tornar incómodo, for grave ou se tiver razões para acreditar que está grávida, como o seu período estar mais atrasado que o habitual, deve contactar o seu médico imediatamente.

COMUM POUCO COMUM MUITO RARO
Náuseas, vómitos e/ou dor abdominal
Dores de cabeça ou tonturas
Fadiga
Alterações de humor
Alterações na hemorragia menstrual
Alterações na libido
Infecção do tracto urinário
Hemorragias nasais
Refluxo gástrico
Dores nas articulações
Como funciona
Passo 1 - Escolha o medicamento
Passo 2 - Preencha o formulário médico
Passo 3 - O médico analisa os seus detalhes e emite a sua prescrição
Passo 4 - O seu medicamento será enviado no mesmo dia ou no dia seguinte
Entrega gratuita