• Receita incluída
  • Medicamentos de marca original
  • Tudo incluído no preço
  • Entrega sem portes de envio
Início / Psoríase

Psoríase

Compre tratamentos eficazes para a psoríase online

A Psoríase é uma condição de pele crónica (de longa duração) que causa descamação e comichão. Globalmente, afeta cerca de 125 milhões de pessoas - entre 2 a 3% da população. Em Portugal afeta cerca de 150 mil a 200 mil doentes

Continue a ler para saber mais sobre a condição, incluindo os sintomas, causas e fatores que a desencadeiam. Apesar de não haver uma cura definitiva para a psoríase, existem tratamentos e hábitos diários que podem controlar a condição.

Texto revisto por Dr. Caroline Fontana Escrito pela nossa equipa editorial Última atualização 18-10-2023

Tratamento(s) disponível(is)

Betnovate 4.8(41 Opiniões)
  • Tratamento tópico potente para eczema, dermatite e psoríase
  • Disponível como creme, pomada, loção para aplicar no couro cabeludo
  • Reduz vermelhidão, inflamação e inchaço
Mais Informação
 
Dermovate
  • Esteroide tópico potente
  • Aplicado uma ou duas vezes por dia
  • Trata eczema e psoríase
Mais Informação
 
Elocon
  • Tratamento esteroide potente
  • Aplicação a curto prazo
  • Combate de dermatoses
Mais Informação
 
Locoid
  • Tratamento potente para a psoríase
  • Trata da comichão e inflamação com eficácia
  • Disponível em creme, pomada ou emulsão
Mais Informação
 
Diprosalic Scalp Application
  • Tratamento tópico para condições de pele inflamatórias
  • Disponível como pomada
  • Contém dois princípios ativos
Mais Informação
 

O que é a psoríase?

A psoríase é uma condição de pele relativamente comum. É caracterizada por manchas na pele vermelhas que descamam e causam comichão.

Estas manchas são normalmente visíveis nos cotovelos, no couro cabeludo, nos joelhos e na parte inferior das costas. São provocadas por um excesso de produção de células na pele, que se acumulam e resultam em pele descamada e encrostrada.

A psoríase é uma condição crónica, o que significa que não há cura. Felizmente, existem vários tratamentos para controlar o seu aparecimento. Também pode ser benéfico evitar os fatores que desencadeiam a condição.

O aparecimento desta condição é mais provável na faixa etária dos 20 ou 30 anos ou mais tarde, entre os 50 e 60 anos. Apesar disso, a psoríase pode aparecer em qualquer idade, mesmo durante a infância.

A psoríase é contagiosa?

A psoríase não é contagiosa. A condição não pode ser passada através do toque ou de outra forma.

Que aspeto tem a psoríase?

A psoríase é caracterizada por pele vermelha e descamada. Normalmente as manchas aparecem nos cotovelos, joelhos, couro cabeludo ou costas.

Um infográfico com 3 exemplos de psoríase

A psoríase varia conforme a cor da pele, tornando-se difícil reconhecer a condição em algumas pessoas.

Em peles brancas, as manchas são normalmente cor-de-rosa ou vermelhas. Em tons de pele um pouco mais escuros, as manchas têm um aspeto aclarado, podendo também ser castanhas escuras, roxas ou cinzentas.

Qual é a diferença entre psoríase e eczema?

Eczema é outra condição de pele comum, facilmente confundida com psoríase. Ambas as condições podem provocar descamação e comichão. São também tratadas de formas semelhantes (com cremes tópicos ou outros medicamentos obtidos na farmácia).

Abaixo, pode ver como as duas condições diferem:

Psoríase Eczema
  • doença autoimune que provoca a multiplicação rápida de células cutâneas
  • comichão menos intensa
  • mais comum nas costas, couro cabeludo, cotovelos e na parte da frente dos joelhos
  • manchas mais grossas, com mais textura e mais definidas
  • normalmente causada por fatores ambientais e alergénios
  • comichão mais intensa
  • mais comum na parte de trás dos joelhos e cotovelos
  • aparece mais como uma erupção cutânea, com menos textura

Se não souber qual das condições tem, consulte um médico ou dermatologista (um médico que se especializa em problemas de pele).

Quais são os diferentes tipos de psoríase?

  1. Psoríase em placas: o tipo mais comum de psoríase. Provoca manchas grossas com descamação e secura (chamadas placas) nos joelhos, cotovelos, parte inferior das costas e couro cabeludo - apesar de poderem ocorrer noutras partes do corpo.
  2. Psoríase Gutata: provoca manchas mais pequenas na pele, normalmente com cerca de 1 cm de diâmetro. Este tipo de psoríase tem tendência a desaparecer em algumas semanas, mas pode progredir para psoríase em placas. É mais comum em adolescentes e crianças. Também pode ser o resultado de uma infeção na garganta.
  3. Psoríase inversa: ocorre nas pregas da pele, como nas axilas ou por baixo dos seios. Normalmente piora com temperaturas mais elevadas, devido à fricção e transpiração.
  4. Psoríase do couro cabeludo: é essencialmente psoríase em placas, mas no couro cabeludo. Em casos graves, pode resultar na perda de cabelo.
  5. Psoríase ungueal (psoríase das unhas): cerca de 50% dos sofredores são afetados nas unhas. Estas crescem de forma anormal, engrossam, descamam, podendo apresentar depressões ou manchas amareladas.
  6. Psoríase palmo-plantar: provoca pequenas erupções cutâneas nas palmas das mãos e/ou solas dos pés, que normalmente descamam ou caem no fim de algumas semanas.
  7. Psoríase eritrodérmica: a forma mais rara e grave de psoríase, podendo provocar manchas e lesões que cobrem a maioria da superfície do corpo. Pode causar comichão ou ardor intenso e necessitar de atenção médica.

O que causa a psoríase?

A psoríase é uma doença autoimune, que ocorre quando o sistema imunitário não funciona adequadamente. Neste caso, o organismo produz células de pele muito mais rápido do que deveria.

As probabilidades de se desenvolver esta condição são maiores, se alguém na família a tiver, podendo, por isso, ser considerada uma condição genética.

No entanto, a psoríase pode ser provocada por alguns fatores, que desencadeiam erupções ou pioram a condição. Abaixo estão oito causas que poderão desencadear o aparecimento da psoríase:

  • stress
  • infeção, especialmente na garganta ou infeções de pele
  • lesões de pele, como queimaduras solares, picadas de insetos ou cortes e arranhões
  • alguns medicamentos, incluindo contra a malária e medicamentos para a hipertensão
  • tabaco ou álcool
  • mudanças hormonais, incluindo durante a menstruação ou puberdade
  • climas frios, devido a falta de sol ou humidade

A psoríase pode ser prevenida?

Apesar de não se poder evitar o desenvolvimento da psoríase, o agravamento da condição pode ser prevenido de várias formas. Para além de evitar os fatores que a podem desencadear, é importante:

  • hidratar a pele, especialmente depois de duches e banhos (que podem secar a pele). Deve ser utilizado um sabonete para peles sensíveis, com óleos adicionais e água morna em vez de quente.
  • Manter um peso saudável. O peso a mais ou a obesidade podem piorar a condição.
  • A exposição da pele ao sol ou a raios UV por curtos períodos de tempo pode reduzir os sintomas. A exposição exagerada pode ter o efeito oposto.
  • Não fumar ou beber, ou limitar o consumo destas substâncias. Se tem dificuldades em parar de fumar, consulte o seu médico ou peça ajuda online. O uso de medicamentos como Champix pode ser útil para reduzir a dependência de tabaco.

Como posso tratar da psoríase?

Há vários tipos de tratamento para a psoríase, dependendo da gravidade da condição.

Os casos de gravidade média a moderada podem ser tratados com tratamentos tópicos, incluindo cremes, loções, unguentos, soluções ou espumas. Estes produtos normalmente contém corticosteróides, retinóides ou vitamina D.

Outros tipos de tratamento:

  • metotrexato (abranda o crescimento de células da pele)
  • imunossupressores (usados em casos graves e reprimem o sistema imunitário)
  • terapias injetáveis ou orais
  • fototerapia (exposição da pele a fontes artificiais de luz ultravioleta (UV))
  • modificadores de resposta biológica (um medicamento injetado reduz a inflamação)
  • inibidores da fosfodiesterase 4 (PDE4) (reduzem o crescimento das células cutâneas, segmentando certas enzimas)

Na euroClinix, oferecemos os seguintes produtos:

  • Betnovate (Betametasona)
  • Elocon
  • Diprosalic
  • Dermovate
  • Hidrocortisona

Posso comprar um tratamento online?

Na euroClinix pode adquirir tratamentos para a psoríase sem marcar consulta com um médico. Responda a algumas perguntas médicas no formulário do medicamento. Este será avaliado por um dos nossos médicos, que decidirá se o tratamento se adequa a si. Se for indicado para si, o medicamento será enviado sem postos de envio.

  • Seleccione
    Medicamento

  • Preencha
    o formulário

  • O médico emite
    a sua prescrição

  • Entrega
    sem custo adicional