• Receita inclusa
  • Medicamentos Originais
  • Tudo incluído no preço
  • Entrega no dia seguinte inclusa
Início / Diabetes

Diabetes

Causas, Sintomas e Tratamentos

Também conhecida por diabetes mellitus, pode classificar-se em dois tipos: diabetes tipo 1 e 2. O tipo 1 resulta de uma falha do pâncreas em produzir insulina. O tipo 2 é uma consequência da não resposta das células à insulina que está presente de forma adequada - a chamada resistência à insulina. Ambos afetam seus níveis de açúcar no sangue. Estima-se que 422 milhões de pessoas com diabetes em todo o mundo.

Os níveis elevados de açúcar no sangue causados ​​pela diabetes podem causar danos aos nervos, olhos, rins e outros órgãos. Seja qual for o tipo que você tiver, o diagnóstico e o tratamento precoces são essenciais para manter o controle da doença.

Com as mudanças certas no estilo de vida e medicamentos prescritos, é uma condição que pode ser controlada. Explore os tratamentos para o controle do diabetes com resultados comprovados, eficazes e confiáveis.

Texto Revisado médicamente por
Dr. Kok Ching Ng MBBS/MRCGP Escrito por nossa equipa editorial
Última atualização 07-10-2021

Serviço online para prescrição de medicamentos

Embalagem de Metformina Mylan 500mg, 28 comprimidos revestidos por película
Metformina 4.8(427 Opiniões)
  • Remédio popular e eficaz para diabetes tipo 2
  • Reduz a quantidade de glicose no sangue
  • Controla os sintomas
Mais Informação
 
Embalagem Januvia (Sitagliptin) 100 mg, 28 comprimidos revestidos por película
Januvia (Sitagliptina)
  • Controla os níveis de açúcar no sangue
  • Contém o princípio activo sitagliptina
  • Disponível nas doses de 25mg, 50mg e 100mg
Mais Informação
 
Glucophage
Glucophage 5(5 Opiniões)
  • Reduz os níveis de açúcar no sangue
  • Comprimidos de libertação prolongada
  • Disponível nas doses de 50mg, 750mg e 1000mg
Mais Informação
 

O que é a diabetes?

Diabetes Mellitus é um distúrbio do metabolismo. Simplificando, ocorre quando a quantidade de glicose (ou açúcar) no sangue está muito alta - nível de glicose é considerada alta quando maior ou igual a 126mg/dL em jejum.

O que causa diabetes mellitus?

Logo abaixo do estômago existe uma glândula chamada pâncreas. Este órgão produz um hormônio chamado insulina, que é essencial para a forma como seu corpo regula a "energia" (glicose). A insulina atua como uma chave para permitir que o açúcar do sangue entre nas células para ser usado como energia.

Quando você come, seu sistema digestivo converte carboidratos em açúcares (ou glicose). Esses açúcares passam para o sangue, é por isso que falamos sobre “níveis de açúcar no sangue”. A glicose no sangue é usada por todas as células do corpo como energia para que possam realizar suas tarefas específicas. No entanto, para que a glicose seja absorvida pelas células do corpo, a insulina precisa sinalizar para as células. Onde há excesso de açúcar no sangue, a insulina também é responsável por armazenar o excesso no fígado e células de gordura (tecido adiposo).

Em uma pessoa com diabetes, o pâncreas não consegue produzir o hormônio insulina em quantidade suficiente (tipo 2). Em alguns casos, pode não produzir nenhuma insulina (tipo 1).

A importância do papel desse hormônio na conversão de energia pode ser vista em alguns dos sintomas, por exemplo, perda de peso e fadiga.

Diabetes tipos

O tipo 1 é geralmente genético e o tipo 2 geralmente está relacionado ao estilo de vida (como excesso de peso). Pode-se ter um risco maior de diabetes tipo 2 devido à genética e às escolhas de estilo de vida, como falta de exercícios, obesidade, dieta inadequada ou estresse.

Uma condição rara chamada diabetes insipidus não está relacionada à mellitus, embora tenha um nome muito semelhante. É uma condição diferente em que seus rins removem muito líquido de seu corpo.

O que é diabetes tipo 1?

O tipo 1 ocorre quando seu pâncreas não produz insulina suficiente (ou nenhuma). Esse tipo de diabetes é mais raro, afetando apenas 5% a 10% dos diabéticos. Acredita-se que seja uma doença auto-imune, com factores de susceptibilidade genética e que não pode ser evitada. Geralmente, os diabéticos tipo 1 são diagnosticados quando crianças ou jovens adolescentes, por isso costumava ser conhecida como "diabetes juvenil" ou “diabetes infantil”, mas pode também ser diagnosticada em adultos.

O que é diabetes mellitus tipo 2?

Com este tipo de diabetes, seu corpo não responde à insulina como deveria. Essa "resistência à insulina" faz com que seu pâncreas trabalhe horas extras, tentando lhe dar insulina suficiente para entregar a glicose do sangue às células, sem sucesso, resultando em alto nível de açúcar no sangue. Em pacientes com tipo 2, as células não respondem normalmente à insulina; isso é chamado de resistência à insulina. A insulina age instruindo o fígado e os músculos a utilizar e armazenar o açúcar do sangue nas células. Com o tempo, as células do corpo param de responder a toda essa insulina - elas se tornam resistentes à insulina.

O tipo 2 é mais comum e pode se desenvolver em qualquer idade. No entanto, é mais provável que você desenvolva este tipo se tiver 45 anos ou mais, estiver com sobrepeso ou obeso ou tiver histórico familiar de diabetes.

Estar acima do peso, ter colesterol ou pressão alta ou não fazer exercícios suficientes podem fazer com que o corpo deixe de responder à insulina. O alto consumo de álcool e o fumo também podem ser hábitos que aumentam o risco. Embora não seja uma causa direta, você também notará mais prevalência de diabetes tipo 2 em pessoas com mais de 40 anos (possivelmente devido a opções de estilo de vida) e descendentes do sul da Ásia. Também pode apresentar um risco maior se seus pais tiverem a doença.

O diabetes tipo 2 é evitável, leia mais abaixo sobre como preveni-lo.

Quais são os principais sintomas de diabetes?

Os sintomas físicos podem incluir aumento da sede e da micção, especialmente à noite, fome e perda de peso. Os sintomas mais graves podem incluir náuseas, dor de estômago, mau hálito, alterações visuais, fadiga e um aumento da suscetibilidade a infecções. Diabetes descontrolada sintomas: Após um longo período de tempo, o sistema nervoso pode ser afetado e resultar em diminuição da sensibilidade, e reduções no fluxo sanguíneo.

Diabete sintomas:

  • Aumento da fome
  • Sede aumentada
  • Perda de peso
  • Micção frequente
  • Visão embaçada
  • Fadiga extrema
  • Feridas que não cicatrizam

Sintomas diabetes em homens

Os homens podem ter uma diminuição do desejo sexual, disfunção erétil (DE) e baixa força muscular. Leia mais sobre a ligação entre diabetes e a impotência .

Sintomas diabetes em mulheres

Mulheres também podem apresentar sintomas como infecções do trato urinário, candidíase, maior tendência a ter infecções por fungos na pele, micose nas unhas, e outros sintomas na pele da diabetes como pele seca e com coceira.

Como o diabetes é diagnosticado?

O diagnóstico diabetes do tipo 1 é geralmente muito mais rápido, com algumas pessoas vivendo por vários meses (às vezes até anos) com diabetes tipo 2 não diagnosticada. Seu médico precisará fazer um exame de sangue para determinar a presença de diabetes, e fornecer um diagnóstico preciso. Isso significa tirar uma amostra de sangue para enviar a um laboratório. O tipo 2 geralmente é diagnosticado com o teste de hemoglobina glicada (A1C).

Quais são as complicações da doença?

Complicações são algo que todos os pacientes com diabetes temem. Uma pessoa pode estar livre de complicações, mas a qualquer momento os sintomas podem aparecer. Alguns pacientes lutam com múltiplas complicações da doença.

Algumas das possíveis complicações incluem:

  • Doença cardiovascular
  • Danos nos rins (doença renal)
  • Danos nos nervos
  • Dano ocular
  • Dano nos pés
  • Deficiência auditiva
  • Doenças na pele
  • Doença de Alzheimer
  • Disfunção sexual

Pré diabetes tem cura?

Existem diabetes potencialmente reversíveis, como pré-diabetes e diabetes gestacional. O pré-diabetes é uma condição em que os níveis de glicose no sangue estão acima do normal, não altos o suficiente para serem classificados como diabetes. O diabetes gestacional ocorre durante a gravidez e pode ser resolvido após o nascimento do bebê. Como o corpo precisa produzir insulina suficiente para 2 quando uma mulher está grávida, diabetes na gravidez tipo 2 pode ocorrer quando você não consegue produzir insulina o suficiente durante a gestação.

Um pré-diabético deve tomar metformina?

O medicamento metformina também pode ajudar a prevenir diabetes tipo 2 em pessoas com pré-diabetes. Mesmo se você tomar metformina, é importante fazer o máximo possível de mudanças no estilo de vida.

Como prevenir a diabetes?

Diabetes prevenção: Embora nem todos os casos possam ser evitados (especialmente tipo 1), há mudanças que podem ser feitas para ajudar a diminuir o risco de desenvolver diabetes no futuro. Mudanças no estilo de vida, como atingir o peso corporal ideal, comer menos açúcar e mais vegetais e evitar o uso de álcool. Outras mudanças que podem ajudar a prevenir a doença incluem parar de fumar , beber muita água e comer porções menores.

O exercício é uma grande parte da reversão do pré-diabetes e para evitar a doença. Seus músculos usam parte do excesso de açúcar no sangue, o que ajuda você a perder peso e a usar a insulina.

Como controlar a diabetes?

É importante controlar seu diabetes de maneira eficaz com tratamento, pois níveis elevados de açúcar no sangue podem acarretar sérios riscos à saúde. Quando não tratado, pode levar a doenças cardíacas, derrames, doenças renais, danos aos nervos, disfunção erétil, aborto espontâneo e natimorto.

Existem muitos tratamentos e dispositivos para ajudar a controlar a doença. Sendo o primeiro a prescrição de remédios. Especificamente para o tipo 1, você também precisará de injeções de insulina, que seu médico poderá prescrever.

Verificando os níveis de açúcar no sangue

Pessoas com diabetes tomando insulina e certos tipos de medicamentos, como as sulfonilureias, precisam verificar sua glicose no sangue - também chamado níveis de açúcar no sangue - regularmente. Isso vai ajudá-los a reconhecer se eles começam a ficar muito baixos (hipoglicemia) ou muito alto (hiperglicemia). Manter o controle dos níveis de açúcar no sangue ajuda a prevenir complicações graves da doença. Pode também ajudar pessoas com diabetes e os cuidadores de saúde a identificar padrões, portanto, manter o controle de resultados é realmente muito importante. As pessoas podem verificar seus níveis usando um medidor de glicose, um monitor de glicose contínuo (MGC) ou um monitor flash de glicose.

Quais são os medicamentos para diabetes?

Assim como a insulina, existem outros medicamentos disponíveis para ajudar a tratar o tipo 2 - alguns deles às vezes também são usados ​​para ajudar a tratar o diabetes tipo 1. Medicamentos para diabetes são frequentemente usados ​​no controle dos níveis de açúcar no sangue em diabéticos e na recepção de glicose pelo seu corpo, alguns deles estão disponíveis para compra com segurança e conveniência na euroClinix. Eles atuam de várias maneiras, portanto, algumas pessoas usarão uma combinação de medicamentos..

Estes são os diferentes tipos e o que eles fazem:

  • Biguanida (metformina): geralmente é o primeiro medicamento de uso oral para diabetes prescrito para ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue no tratamento do diabetes tipo 2. É também indicado na prevenção de diabetes em pacientes com sobrepeso. Pode ser utilizado complementarmente para o tratamento do tipo 1 junto à insulinoterapia. Disponível em sua forma genérica ou de marca, sob nome comercial Glucophage.
  • Sulfonilureias: são comprimidos que estimulam as células do pâncreas a produzir mais insulina, ajudando-o a funcionar melhor.
  • Inibidor de alfa-glicosidase (acarbose): retarda a absorção intestinal de alimentos ricos em amido, o que, por sua vez, diminui qualquer aumento nos níveis de açúcar no sangue após as refeições.
  • Reguladores de glicose prandial: semelhante às sulfonilureias, estimula as células no pâncreas para produzir mais insulina. Eles trabalham mais rapidamente do que as sulfonilureias, mas duram pouco tempo, por isso precisam ser tomadas meia hora antes de cada refeição.
  • Tiazolidinedionas (glitazonas): Reduz a resistência à insulina e melhora, permitindo que a insulina que o corpo produz possa funcionar de forma mais eficaz. Também ajuda a proteger as células do pâncreas, o que lhes permite produzir insulina por mais tempo.
  • GLP-1s (miméticos da incretina): Aumenta o nível de incretinas no corpo. Incretinas são um tipo de hormônio que ajuda a produzir mais insulina quando é necessário e reduz a quantidade de produção de glicose quando não é necessário. Eles retardam a passagem dos alimentos e esvaziamento do estômago, e também podem reduzir o apetite.
  • Inibidores da DPP-4 (gliptinas): atuam bloqueando a ação da DPP-4, uma enzima que destrói a incretina. É eficaz no aumento da quantidade de incretina liberada pelo intestino, o que leva a um aumento nos níveis de insulina quando o açúcar no sangue está alto, diminuindo a quantidade de açúcar no corpo. O medicamento sitagliptina faz parte deste grupo, comercializado sob a marca Januvia.
  • Inibidores de SGLT2: este medicamento reduz a quantidade de glicose absorvida pelos rins no sangue.

Assim como medicamentos, você também precisará fazer um esforço consciente para mudar seu estilo de vida. Uma dieta saudável o ajudará a controlar seu nível de açúcar no sangue. Leia nosso guia "Qual é a melhor dieta para Diabetes tipo 2?" para saber como fazer uma dieta saudável e balanceada para ajudá-lo a controlar o diabetes.

Além de se alimentar de maneira saudável, deve praticar exercícios físicos. Os exercícios ajudam a reduzir os níveis de glicose no sangue e aumentam a sensibilidade do corpo à insulina, combatendo a resistência à insulina.

Em geral, a melhor hora para fazer exercícios é de uma a três horas após as refeições, quando é provável que seu nível de açúcar no sangue esteja mais alto. Se você usa insulina, é importante testar o açúcar no sangue antes de se exercitar. Se o nível antes do exercício estiver abaixo de 100 mg / dL, comer um pedaço de fruta ou fazer um pequeno lanche irá aumentá-lo e ajudá-lo a evitar a hipoglicemia. Também é uma boa ideia verificar o açúcar no sangue depois de qualquer exercício ou atividade particularmente cansativa.

Também é aconselhável a parar de fumar e reduzir a ingestão de álcool (ou abandoná-lo completamente).

Medicamento para emagrecer pode tratar o diabetes?

A medicação para perda de peso tem se mostrado eficaz no tratamento do diabetes tipo 2. Houve um estudo que mostra que o Orlistat (Xenical) é eficaz na redução do peso e do açúcar no sangue em diabéticos.

O orlistat (Xenical), de fato, parece ser eficaz para reduzir a chance de doenças cardíacas ao diminuir o colesterol, especialmente em pessoas com excesso de peso com diabetes tipo 2, o tipo mais comum de problema de açúcar no sangue que frequentemente afeta pessoas com excesso de peso.

Você pode comprar Orlistat genérico ou da marca Xenical na euroClinix. O orlistat, que é prescrito em cápsulas de 120 mg, é um medicamento sujeito a receita médica na Europa. Por isso, para fazer a importação, você terá que preencher um breve formulário médico online antes de adquiri-lo. Esse medicamento para perda de peso só é eficaz se usado ​​junto com a dieta baixa em gorduras.

Comprar tratamentos para Diabetes em Portugal

Nossa equipa médica pode, na maioria dos casos, prescrever online um tratamento para si.

Um de nossos experientes médicos irá receitar o medicamento e nossa farmácia o enviará discretamente para si. Simplesmente solicite seu tratamento, que inclui o medicamento, o envio e sua consulta médica online.

Metformina
Metformina
Remédio popular e eficaz para diabetes tipo 2
Reduz a quantidade de glicose no sangue
Controla os sintomas
Saber mais
Januvia (sitagliptina)
Januvia (sitagliptina)
Aumenta a produção de insulina
Controla diabetes tipo 2
Diminui a quantidade de açúcar no corpo
Saber mais
Glucophage
Glucophage
Comprimidos de Ação Prolongada
Tratamento do diabetes tipo 2
Prevenção de diabetes em pacientes com sobrepeso
Saber mais
  • Seleccione
    Medicamento

  • Preencha
    o formulário

  • O médico emite
    a sua prescrição

  • Entrega
    em 24h