Outros Tratamentos

Rosácea

Tratamento eficaz para Rosácea

A rosácea é uma doença de pele bastante comum, envolvendo áreas onde a pele fica avermelhada, com lesões inflamadas, principalmente nas bochechas, no nariz, na testa e no queixo. Trata-se de uma doença que pode afetar mais as mulheres do que os homens, começando geralmente entre as idades de 30 a 50 anos.

Ao surgirem os primeiros sintomas, a rosácea pode ser confundida com queimaduras solares e, à medida em que a doença se agrava, a vermelhidão se torna mais duradoura e mais presente.

A rosácea pode piorar se não for tratada, levando o paciente a apresentar mudanças permanentes em sua aparência, afetando sua autoestima. Não existe cura para o problema, embora seja tratável e podendo ser mantida sob controle.

Na euroClinix, você pode ter acesso a medicamentos eficazes para o tratamento da rosácea como o Rozex e Eritromicina, sem ter de visitar um médico. Preencha um rápido e discreto questionário médico e receba o seu tratamento de forma rápida e discreta.

Saiba mais sobre Rosácea
Nossos Serviços
Encontre o seu tratamento
Sobre nós
Nossos Serviços
Seleccione Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega expresso para qualquer área de residência
Sobre nós

euroClinix é uma empresa que presta cuidados de saúde a nível internacional, oferencendo serviços médicos diferenciados, em múltiplas línguas.

Nós já tratamos mais de

1372151 pacientes

Veja o que eles pensam sobre nós...

  • Diagnóstico especializado e prescrição médica onlineNão desperdice seu tempo na sala de espera do médico
  • Entrega Expressa Grátis com máxima discrição4-6 (UPS) ou 7-12 (Correios) dias úteis em todo Brasil
  • Medicamentos originais e serviço de confiançaApenas o médico tem acesso à sua informação
4.7 4,136Comentários

O que é Rosácea?

A rosácea é uma doença que provoca vermelhidão no rosto, geralmente no final de um dia de exposição aos seus fatores de risco, ou mesmo quando a pessoa come algo mais apimentado.

O problema provoca lesões inflamadas na pele do rosto, afetando praticamente todas as suas áreas, como as bochechas, o nariz, a testa e o queixo.

A rosácea é considerada pela medicina como doença crônica e de causas desconhecidas. De forma geral, ela se manifesta em pessoas com pele clara, que apresentam tendência à oleosidade ou à sensibilidade, embora possa se desenvolver também em outros tipos de pele, como a seca, a mista e a normal.

O problema é mais comum em mulheres, podendo ocorrer entre os 30 e os 50 anos, embora peles mais sensíveis possam ser acometidas a partir dos 25 anos.

A rosácea é uma doença que vai além da simples vermelhidão no rosto. A doença é dividida em cinco tipos, desde os mais simples aos mais raros e complexos. Assim, por exemplo, a rosácea eritemato telangiectasia provoca vermelhidão na pele e vasos aparentes, enquanto a pápula pustulosa apresenta vermelhidão e lesões parecidas com espinhas. A fimatosa apresenta, além da vermelhidão, inflamação na pele, fazendo com que se torne mais espessa, e a ocular aparece na região dos olhos. Por último, a rosácea granulosa, que desenvolve nódulos castanhos na face.

Com relação aos cuidados necessários, tudo vai depender do estágio da doença. É possível fazer o tratamento com produtos tópicos, com medicamentos orais ou com laser para melhorar o aspecto da pele. Contudo, todos os procedimentos e indicações devem ser feito por um médico dermatologista.

Existem cinco tipos da doença, cujos sintomas variam de acordo com suas manifestações. Esses sintomas, no entanto, podem se misturar, acontecendo, por exemplo, uma combinação da fimatosa com o tipo pápula pustulosa, além de se apresentar combinada com a forma mais comum, a eritemato telangiectasia. Além disso, também é muito frequente a associação da rosácea do tipo fulminante com a ocular, como podemos observar a seguir:

Tipos de Rosácea
Eritemato telangiectasia
Nesse tipo de rosácea, a pele fica com um tom avermelhado e rosado, fazendo com que diminutos vasos sanguíneos fiquem aparentes, principalmente na região central do rosto, mais próximo às asas do nariz.
O tom avermelhado pode ser agravado em razão de diversos fatores, como bebidas alcoólicas, sol, estresse, calor e exercícios físicos. Para o paciente com rosácea, a pele do roso oferece a sensação de queimação e, nesse tipo de rosácea, a pele se torna mais sensível, não permitindo o uso de cremes abrasivos ou ácidos.

Rosácea pápula pustulosa
A rosácea pápula pustulosa agrega o tom avermelhado da pele ao surgimento de lesões pápulo-pustulosas em surtos, como se a pessoa estivesse com espinhas. Esse tipo de rosácea é semelhante à acne, tanto é que seu nome era divulgado como acne rosácea. É um tipo de doença que acomete mais os homens, com períodos que se alternam entre a melhora e a piora dos sintomas.

Rosácea fimatosa
A rosácea fimatosa é o tipo menos comum da doença, apresentando-se na verdade como um estágio final. A pele, nesse caso, se torna mais espessa, avermelhada e endurecida, apresentando poros mais dilatados. A rosácea fimatosa tem como principal característica o aumento e a infiltração de áreas, como as glândulas sebáceas do nariz, sendo mais comum em homens entre 50 e 60 anos. Com o tempo e o desenvolvimento da doença, o nariz pode até dobrar de tamanho. O queiro também pode ser comprometido.

Rosácea ocular
A rosácea ocular, como seu próprio nome indica, atinge a região dos olhos. Pelo menos 20% dos casos desse tipo de doença são descobertos em consultas oftalmológicas. A primeira indicação da doença é uma inflamação denominada blefarite, apresentando avermelhamento e descamação na região em torno dos cílios. É considerado o tipo mais grave da rosácea, já que pode provocar a perda da visão.

Rosácea granulomatosa
A rosácea granulomatosa é um tipo mais raro que apresenta como característica principal o desenvolvimento de pequenos nódulos de cor castanha no rosto. Pelo menos 15% dos pacientes com esse tipo de rosácea também podem apresentar lesões em outros locais. O diagnóstico é bastante difícil, exigindo conhecimento por parte do dermatologista. Além disso, o tratamento dessa rosácea também representa um desafio.

Quais são as causas da Rosácea?

As causas da rosácea ainda são desconhecidas pela ciência, embora os estudos já realizados apontem para a combinação de fatores hereditários com ambientais. Existe uma série de condições que podem desencadear ou agravar a rosácea, aumentando o fluxo de sangue para a superfície da pele do rosto, como, por exemplo:

  • Alimentos quentes ou picantes;
  • Bebidas alcoólicas;
  • Temperaturas mais quentes durante o dia;
  • Maior tempo de exposição ao sol;
  • Situações de estresse ou de raiva;
  • Exercícios mais intenso;
  • Banhos muito quentes ou sauna;
  • Uso de corticosteroides;
  • Uso de determinados medicamentos que provocam a dilatação dos vasos sanguíneos, inclusive destinados ao controle da pressão arterial.

Os grupos de risco que apresentam maior possibilidade de desenvolvimento da rosácea são as pessoas entre 30 e 50 anos de idade. Além disso, também as pessoas pertencentes aos seguintes grupos devem tomar seus cuidados:

  • Pessoas com pele clara, olhos azuis e cabelos loiros;
  • Descendentes de escandinavos ou celtas;
  • Pessoas com histórico familiar de rosácea;
  • Pessoas com histórico de acne grave na juventude.

Diagnóstico da Rosácea

A rosácea pode ser diagnosticada apenas através do exame físico da pele do paciente. Não existe, até o momento, qualquer exame específico para seu diagnóstico. Geralmente, ao ser consultado por um clínico geral, a pessoa é encaminhada a um dermatologista.

Para o diagnóstico, o dermatologista, além de fazer o exame físico, também deve fazer uma série de questionamentos sobre a situação do paciente, além do que oferecer instruções detalhadas para os cuidados com a doença.

Quais são os sintomas da Rosácea?

Os principais sintomas da rosácea incluem normalmente a vermelhidão no rosto. No entanto, outras condições também incluem:

  • Pequenos vasos sanguíneos aparecendo no nariz e nas bochechas, tornando-se visíveis a olho nu;
  • Protuberâncias espalhadas pelo rosto como se fosse acne;
  • Secura nos olhos, pálpebras avermelhadas e apresentando inchaço e irritação;
  • Nariz com formato mais largo, algumas vezes engrossando a pele e deixando essa área com aspecto grosseiro.

Confira no infográfico abaixo os principais sintomas da rosácea:

sintomas-rosacea

Tratamento da Rosácea

A rosácea é uma doença que não tem cura. Contudo, pode ser tratada adequadamente, levando a maior parte dos portadores a conseguir controlar os sintomas e evitar o agravamento do problema.

O tratamento do tipo mais comum de rosácea pode ser feito com produtos tópicos, como Rozex (Metronidazol), ácido azelaico, peróxido de benzoila e retinoides tópicos. O objetivo é manter o controle da doença, reduzindo os sintomas de inflamação, utilizando o medicamento indicado uma ou duas vezes por dia.

Para rosácea moderada, o paciente também poderá fazer uso de antibióticos orais como a Eritromicina, Tetraciclina, Doxiciclina, Minociclina e Amoxicilina.

A oximetozolina e a brimonidina também são alternativas para a rosácea, reduzindo e controlando a vermelhidão da pele. No entanto, esses medicamentos não curam definitivamente a doença, apenas reduzindo a inflamação e o avermelhamento da pele.

No caso da rosácea pápula pustulosa, ocular e fimatosa, é preciso que o paciente faça uso de antibióticos do grupo das ciclinas, como tetraciclina ou minociclina, que são utilizados para manter o controle clínico da doença, podendo ter suas doses reduzidas com o tempo.

Um dos medicamentos desenvolvidos para tratamento da rosácea é a isotretinoína, que pode ser usada em todos os tipos da doença. O tratamento pode chegar à duração de 3 a 6 meses, dependendo da situação do paciente, podendo haver a associação do próprio medicamento com o tratamento a laser.

No caso da rosácea fimatosa, pode haver necessidade de correção cirúrgica e, para a rosácea ocular o médico deve adotar uma abordagem mais específica, indicando colírios locais com antibióticos e imunodepressores, como a ciclosporina.

O tratamento com laser ou luz pulsada vem se mostrando eficiente para combater os sintomas da rosácea, atingindo os vasos sanguíneos e os destruindo, deixando a região atacada pela rosácea com cores mais normais para a pele.

As situações que provocam a possibilidade de crise de rosácea devem ser evitadas, como ambientes abafados e quentes, maior tempo de exposição solar sem proteção, estresse, nervosismo e peeling. Também é importante evitar o uso de substâncias contendo ácidos ou álcool, já que a pele com rosácea se torna mais sensível a produtos cosméticos.

Comprar Medicamentos Online para Rosácea

Antes de comprar qualquer tratamento, a sua condição deve ser avaliada por um médico. Para comprar tratamento para rosácea, como Eritromicina e Rozex, você terá que realizar uma consulta online que permitirá que a sua condição possa ser corretamente diagnosticada. Esta consulta contém questões médicas sobre a sua saúde em geral e, em particular, sobre esta condição, para garantir que o tratamento é o mais adequado para o paciente. Após a avaliação da consulta médica por parte dos nossos médico credenciados, será prescrita uma receita médica que permitirá a compra do medicamento. Receba de forma rápida e discreta em 7 dias no Brasil.

O que considerar ao comprar medicamentos online:

  • Sempre dê preferência a compra do medicamento em uma farmácia online que mantém uma boa reputação (ex.: possui selos de qualidade e certificações);
  • A automedicação é algo extremamente desaconselhado nos círculos médicos. Além do risco do medicamento não ser adequado, o mesmo pode resultar em efeitos secundários desagradáveis ou riscos graves para a sua saúde;
  • Medicamentos não devem ser vistos como produtos de consumo regulares;
  • Medicamentos falsificados podem causar danos fatais à sua saúde;
  • Não passe pela tentação de e-mails "spam" oferecendo medicamentos muito baratos. Se algo parece bom demais para ser verdade, geralmente é;
  • Verifique o logotipo da farmácia online quando comprar medicamentos online; É possível também verificar o status de registro do farmacêutico, procurando o nome e endereço da farmácia que opera o site, como ele deve ser conectado a uma farmácia física;
  • Medicamentos vendidos em sites com má reputação podem apenas ter má qualidade ,no melhor dos casos, e causar danos fatais.

Lembre-se de que, se um site oferece a possibilidade de compra de qualquer medicamento de prescrição sem a necessidade de uma receita médica, o mesmo está operando fora da regulamentação e provavelmente não poderá lhe oferecer quaisquer das garantias mencionadas.

Se está sofrendo com rosácea e gostaria de adquirir um tratamento, os nossos médicos podem ajudar.

Você seleciona o medicamento que acredita ser o melhor para o seu caso, e o nosso médico analisará a sua condição de saúde atual e historial médico e emitirá a receita, se tal medicamento for seguro para tratamento da sua condição. Se o médico não estiver convencido de que tal tratamento é adequado para o seu caso, o mesmo enviará uma nota por email com as razões pelas quais não deveria utilizar esse medicamento. Se a consulta for aprovada, a nossa farmácia irá então dispensar o seu medicamento para entrega.

Fontes:

Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?