Como escolher a dose certa do Viagra

A disfunção erétil, impotência sexual é uma questão de saúde temida por muitos homens relativa à dificuldade ou incapacidade de ter ou manter uma ereção. Este problema, no entanto, afeta quase todo homem em idade reprodutiva em algum momento da vida. Ela pode ser episódica, ou recorrente – caso este em que se recomenda acompanhamento médico e o uso de fármacos, e, em alguns casos, tratamento psicoterapêutico.

Doses do Viagra
Viagra 25mg Viagra 50mg Viagra 100mg
25MG 50MG 100MG

Tratamento com Viagra

Hoje em dia existe uma variedade muito maior de medicações para disfunção erétil no mercado farmacêutico, mas até 2003, o único medicamento disponível para o tratamento desta condição era o Viagra.

Este medicamento está há mais de 20 anos no mercado farmacêutico e seus efeitos e características já foram extensamente estudados e documentados. Ele é produzido por um dos maiores laboratórios farmacêuticos do mundo, a Pfizer. Seu princípio ativo, o citrato de sildenafila, age como vasodilatador facilitando o fluxo de sangue na área genital e permitindo a ereção.

O Viagra não é apenas o remédio mais popular do mundo para o tratamento de disfunção erétil - ele é um dos remédios mais populares do mundo levando em conta todas as categorias de medicação existentes.

Doses de Viagra

Estima-se que o Viagra seja o sexto fármaco mais vendido no mundo nos últimos anos. O segredo do sucesso deste medicamento é seu alto nível de eficácia (mais de 80%) em casos de disfunção erétil de diversas origens e níveis. Depois de ingerido, o remédio passa a agir em poucos minutos dilatando os vasos sanguíneos da região genital e facilitando o fluxo de sangue responsável pela ereção. Este efeito é obtido através do citrato de sildenafila e costuma durar entre 4 e 6 horas.

Viagra de 25mg

As doses mínimas de Viagra (25mg) são recomendadas para pessoas que sofrem de casos moderados de disfunção erétil, para pacientes que fazem uso regular de fármacos que interagem medicamentosamente com o citraro de sildernafila, e para pacientes com condições de saúde que podem ser potencializadas pela substância.

Esta dose também é recomendada para pacientes que fazem uso de medicamentos do tipo bloqueadores alfa adrenérgicos, pacientes que fazem uso de Ritonavir ou similares, pacientes com mais de 65 anos de idade, pacientes com problemas no coração, no fígado, ou nos rins.

Nenhum dos usuários acima mencionados devem fazer uso da medicação sem acompanhamento médico. Em nenhum caso estes pacientes devem aumentar a dosagem do remédio por conta própria.

Viagra de 50mg

Esta é a dose recomendada para a grande maioria dos usuários de Viagra sem condições pré-existentes ou outros problemas de saúde. A principio essa dose é suficiente para atingir o efeito desejado. Se os efeitos colaterais forem muito fortes, recomenda-se a redução para o Viagra de 25mg, se o efeito for muito fraco, pode ser alterado para 100 mg.

Deve se levar em consideração que, em alguns homens a melhoria da função eréctil não é imediata com a primeira dose. Neste caso, o tratamento não deve ser interrompido após primeira tentativa. Ressaltamos que é preciso de uma pausa na toma do medicamento, não se deve tomar mais do que uma dose em menos de 24 horas.

Viagra de 100mg

Esta é a dosagem máxima de Viagra considerada segura para consumo. E apresenta efeito máximo no corpo do usuário

O Viagra de 100mg só é recomendado em casos de disfunção erétil severa em que os usuários não estejam em nenhuma categoria de risco ou de contra-indicações.

Recomenda-se que esta dosagem só seja utilizada por usuários com indicação médica.

Lembre-se que a função eréctil não é recuperada com a primeira dose do medicamento. Portanto, não desista após a primeira tentativa.

Efeitos colaterais de cada dose do Viagra

O Viagra é considerado um medicamento bem tolerado, mas assim como qualquer outro medicamento os efeitos colaterais são possíveis. De acordo com um estudo, que foi realizado pela Pfizer, laboratório fabricante do Viagra, menos de 2% dos usuários do medicamento sofreram efeitos colaterais ao tomá-lo. Os participantes desse estudo relataram que os efeitos colaterais dependeram da dose tomada:

Efeitos colaterais 25 mg 50 mg 100 mg Placebo
Dor de cabeça 16% 21% 28% 7%
Afrontamentos 10% 19% 18% 2%
Indigestão 3% 9% 17% 2%
Distúrbios visuais 1% 2% 11% 1%
A congestão nasal 4% 4% 9% 2%
Dor nas costas 3% 4% 4% 2%
Dor muscular 2% 2% 4% 1%
Náusea 2% 3% 3% 1%
Vertigem 3% 4% 3% 2%
Erupção cutânea 1% 2% 3% 1%

Quantas vezes por dia posso tomar Viagra?

A Pfizer, farmacêutica fabricante do Viagra, alerta que não é seguro o consumo de mais que 1 comprimido diário da dosagem recomendada para você.

Em alguns casos de usuários que pertencem aos grupos de risco, não é indicado que se use mais de 1 comprimido em 48 horas. Se este é o seu caso, consulte um especialista.

Fonte:

  1. Sexual Conditions Health Center - URL: webmd.com
  2. O Viagra não funcionou! Mas será que você tomou corretamente?! - URL: clinicasaoluiz.com
  3. Viagra Dosage - URL: Drugs.com 
Atualizado em 26 de agosto de 2016

Como funciona
Passo 1 - Escolha o medicamento
Passo 2 - Preencha o formulário médico
Passo 3 - O médico analisa os seus detalhes e emite a sua prescrição
Passo 4 - O seu medicamento será enviado no mesmo dia ou no dia seguinte
Entrega gratuita