Apcalis

Apcalis é indicado por alguns sites na internet como inibidor da PDE5, atendendo as necessidades de homens que tenham problemas de disfunção erétil, ou impotência sexual.

Os fabricantes afirmam que a fórmula do Apcalis é a mesma do Cialis, contendo o princípio ativo Tadalafil, um dos inibidores de PDE5, aproveitando a fórmula pronta, sem investir em pesquisas ou em testes, além de não terem comprovação do desenvolvimento da tecnologia de produção e da promoção da marca, entre outras necessidades para o lançamento de qualquer tipo de medicamento no mercado.

Contudo, como não são divulgados maiores detalhes, não se conhece direito o processo de fabricação, o que faz com que o Apcalis não seja um medicamento confiável.

O que é o Apcalis?

De acordo com os sites que o comercializam, o Apcalis é um medicamento que contem Tadalafil, sendo comercializado no formato de gel para uso oral, servindo para tratamento da disfunção erétil. Os sites informam que a forma líquida de Apcalis foi desenvolvida especialmente para homens que apresentam dificuldade em engolir comprimidos.

o-que-e-o-apcalis

Como é vendido em forma de gel para uso oral, o Apcalis está disponível em diversos sabores para o usuário escolher.

De acordo com tais sites, o gel oral Apcalis consegue solucionar o problema de disfunção erétil com as mais diversas causas, incluindo condições adjacentes, o que não é o caso da maioria dos inibidores da PDE5 famosos como Viagra e o próprio Cialis que alertam a necessidade do cuidado do uso do medicamento em combinação com outras medicações.

Quais são os ingredientes do Apcalis?

O Apcalis, de acordo com os sites que o revendem, é fornecido em dosagem de 20 mg, sendo uma versão genérica do Cialis. Com relação ao Cialis, podemos afirmar que se trata de um medicamento já bastante conhecido, sendo uma das principais escolhas para os médicos que prescrevem medicamentos para disfunção erétil.

Os fabricantes afirmam que o Apcalis é produzido com a mesma formulação química do Cialis, contendo o mesmo princípio ativo, o Tadalafil, garantindo que sua eficácia e suas propriedades são idênticas ao Cialis original.

Riscos ao comprar e utilizar o Apcalis

Os sites de revenda de Apcalis afirmam que o Tadalafil raramente provoca efeitos colaterais, tendo sua segurança confirmada por uma ampla série de ensaios clínicos e laboratoriais, o que deixa o medicamento disponível até sem receita médica nas farmácias online.

Contudo, antes de comprar o medicamento e utiliza-lo, os mesmos sites aconselham que o usuário consulte um médico para verificar se podem existir contraindicações em seu caso específico.

É preciso destacar o fato de que o Tadalafil deve ser tomado apenas através de prescrição médica, já que, em certas situações, pode colocar em risco a vida do usuário. Da mesma forma que o Cialis, o Apcalis não deve ser tomado nas seguintes situações:

  • Por pessoas que estejam tomando qualquer outro tipo de medicação contra disfunção erétil;
  • Por pacientes que sofrem com problemas ou doenças gastrointestinais;
  • Por homens que apresentam baixa pressão arterial;
  • Por quem possui doenças na retina;
  • Por homens que apresentam tendência ao priapismo;
  • Por todos que tiverem menos de 18 ano de idade.

Além dessas contraindicações, o Apcalis também não deve ser usado por pessoas que façam uso de medicamentos que contenham nitratos e, em nenhuma situação deve ser o Apcalis usado concomitantemente com outros potenciadores sexuais.

O Tadalafil não combina com toranja e, em razão disso, essa fruta deve ser evitada quando se estiver fazendo uso do princípio ativo, mesmo que em medicamentos genéricos. Além disso, medicamentos contendo Tadalafil, considerando que o princípio ativo esteja mesmo presente no Apcalis, não devem ser usados após refeições gordurosas, já que a gordura atrasa e reduz os efeitos do princípio ativo.

Como o Apcalis funciona no corpo?

De acordo com as informações do fabricante de Apcalis, o medicamento em forma líquida age mais rapidamente no corpo, já que penetra pela mucosa bucal. Segundo as informações, o medicamento começa a apresentar seus efeitos entre 15 e 30 minutos depois de ingerido, apresentando ereção que pode durar muito tempo.

A duração dos efeitos no organismo pode chegar a 36 horas e, durante esse tempo, de acordo com os sites, o homem pode ter relações sexuais diversas vezes, informando ainda que o receito de uma ereção com duração de horas é infundada, embora com o Cialis original exige-se um certo cuidado com os usuários para que não aconteça a situação conhecida como priapismo, que pode causar ereções dolorosas e prejudiciais para o pênis.

Segundo os sites que o revendem, o Apcalis produz uma concentração máxima de Tadalafil na corrente sanguínea depois de duas horas de sua ingestão, afirmando ainda que uma das principais vantagens do medicamento é ser totalmente compatível com alimentos (contrariando a informação dos fabricantes originais sobre toranja e comidas gordurosas), podendo também ser usado com pequenas quantidades de álcool para melhorar o prazer sexual (condição também não recomendada pelos fabricantes originais de Cialis).

Comparação do Apcalis e dos inibidores da PDE5 originais

A informação dos sites sobre Apcalis dizem que o medicamento é produzido com o Tadalafil, Citrato de Tadalafila, um dos inibidores da PDE5, que oferece condições de tratamento de disfunção erétil.

Contudo, por se tratar de um medicamento, vendido sem prescrição médica, é necessário analisar com cuidado antes de fazer uso do mesmo, já que se trata de um princípio ativo que pode provocar efeitos colaterais graves em determinadas condições.

"Os inibidores de PDE5 foram aprovados para uso no tratamento da disfunção erétil desde 1998, depois de centenas de ensaios clínicos comprovarem a sua segurança e eficácia para o uso dessa condição em particular. A utilização de produtos não testados apresenta muitos riscos."

Empresas como a Pfizer, fabricante do Viagra & Lilly, fabricante do Cialis, precisam passar por aprovação da FDA ao apresentar ao mercado tais medicamentos.

Para que um medicamento seja aprovado pela FDA a mesma deve ser testada de várias maneiras. Primeiro são testes em laboratório e animais. Em seguida, são testes em seres humanos para ver se o medicamento é seguro e eficaz quando usado para tratar ou diagnosticar uma doença.

Depois de testar o medicamento, a empresa envia à FDA um aplicativo chamado New Drug Application (NDA).

Apcalis é aprovado em Portugal?

O Apcalis não é um medicamento aprovado pelos órgãos fiscalizadores de saúde em Portugal e nos demais países da Comunidade Europeia. Medicamentos aprovados para venda online só podem ser vendidos através de receita médica, depois que o paciente preencher um questionário sobre suas condições físicas e seus sintomas.

A receita médica online deve ser analisada por um profissional médico credenciado que, diante das informações, pode ou não prescrever o medicamento, ou indicar outro que seja mais compatível e mais eficiente para o paciente.

Por que há tantas ofertas de Apcalis online?

Um dos problemas que mais constrangem o homem é a disfunção erétil. Diante disso, o homem sente-se envergonhado em conversar com o médico sobre sua condição. Aproveitando-se dessa situação, comerciantes e fabricantes dos mais diversos medicamentos buscam a internet para oferecer produtos não aprovados, que não apresentam necessidade de receita médica, agindo ilegalmente para oferecer soluções milagrosas para problemas de saúde.

Alternativas legais ao Apcalis (PDE5)

produtos-para-impotencia

Para quem apresenta problemas de disfunção erétil, a melhor alternativa e a mais recomendada é procurar ajuda médica e, se o profissional considerar viável, prescrever o uso do Cialis original ou indicar outro medicamento para oferecer um tratamento confiável e seguro.

Há diversas evidências científicas que comprovam, por exemplo, a eficácia e segurança dos chamados inibidores da PDE-5, que foram testados por anos antes de serem introduzidos ao mercado.

Os inibidores de PDE-5, que são usados com frequência e que apresentam uma taxa de sucesso bastante alta contra a disfunção erétil, incluem Viagra, Levitra, Spedra e Cialis. Estes medicamentos são vendidos em farmácias locais e farmácias online mediante a apresentação de receita médica ou consulta médica online.

Se procura um tratamento com comprovação cientifica e mais económico para a disfunção erétil, Sildenafil pode ser a melhor opção para o seu caso. O ingrediente activo, mesmo utilizado no Viagra, pode ser vendido legalmente na versão genérica e por essa razão o seu preço é mais baixo.

Sildenafil
  • Medicamento original, testado em estudos clinícos
  • Ação em 30 minutos e duração de 4 horas
  • Versão económica do medicamento Viagra
Mais sobre o Sildenafil

Fontes:

Aprenda mais sobre medicamentos para impotência:
Como funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita