Outros Tratamentos

Ranitidina (Antak)

Comprar Ranitidina (Antak) online - Envio e validação de receita médica

  • Ranitidina (Antak)
  • Ranitidina (Antak)
Excelente   4.7 4,586 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço

A Ranitidina (Antak) é um medicamento que pode ser encontrado em forma de xarope, de comprimidos ou de solução injetável. Também conhecida como Cloridrato de Ranitidina, o medicamento é indicado para tratamento de úlceras no estômago ou no duodeno, além de servir também para tratamento de problemas relacionados ao refluxo de ácidos do estômago para o esôfago, excesso de ácido no estômago, indigestão ou azia.

Na euroClinix, você pode comprar o medicamento Ranitidina online. Basta preencher um questionário e enviar a receita médica emitida pelo seu profissional de saúde.

O Ranitidina (Antak) está sendo revisado pelo nosso médico parceiro e não podemos aceitar pedidos no momento. Para mais informações, entre em contato contato com a equipe de atendimento ou deixe seu email para ser notificado quando o Ranitidina (Antak) estiver aprovado para venda.

Perguntas e respostas sobre como comprar Ranitidina (Antak) online

Como consigo comprar o medicamento de prescrição Ranitidina (Antak) na euroClinix?

A Ranitidina (Antak) é um medicamento de prescrição e só pode ser comprado online com receita médica. Se você quiser comprar Ranitidina (Antak) online a euroClinix, você tem que ter em mãos a receita prescrita pelo seu médico ou sua médica. O processo é bastante simples: basta preencher um rápido formulário com informações pessoais e informações do médico ou da médica que emitiu a prescrição e fazer o upload da prescrição no nosso checkout.

É seguro comprar Ranitidina (Antak) online na euroClinix?

A euroClinix está legalmente autorizada para a venda de medicamentos online pela entidade britânica (MHRA) e também pela Agência Europeia de Medicamentos (veja o final da página abaixo de "Somos Certificados por:"). Se você se deparar com alguma farmácia física ou online que não requisite a prescrição médica ou qualquer dado médico, que tem preços demasiado baixos, não tem atendimento português e não tem um registo de farmácia evidente, além de potencialmente pôr a sua vida em risco, você estará cooperarando com uma atividade criminosa com possíveis implicações legais. Escolha uma opção segura, escolha a euroClinix.

Posso comprar Ranitidina (Antak) sem receita médica?

Segundo determinação da Anvisa, não é possível comprar Ranitidina (Antak) sem receita médica. A Ranitidina (Antak) é considerado um medicamento de prescrição médica, ou seja, se quiser comprar, o seu estado de saúde terá de ser previamente verificado por um médico fisicamente. Qualquer farmácia física ou na internet que venda Ranitidina (Antak) sem receita não está agindo de acordo com a legislação.

Qual é o preço da Ranitidina (Antak) na euroClinix?

A euroClinix preza pelo seu serviço de excelência. O preço do medicamento Ranitidina (Antak) inclui todo esse serviço, nomeadamente, o medicamento Ranitidina (Antak) original e a entrega grátis em embalagem discreta. Além disso, temos uma equipe de atendimento ao paciente e equipe médica sempre ao dispor para qualquer tipo de esclarecimento.Você pode consultar os preços no início da página.

Ao usar o nosso serviço, você economizará tempo e não precisará visitar uma farmácia local.

Quais os métodos de pagamento disponíveis?

Comprando medicamentos online através da euroClinix, você pode fazer o pagamento da forma que escolher, seja através de cartões de débito ou de crédito (nacional ou internacional) ou por boleto bancário.Aceitamos pagamentos em parcelas de até 6x e também à vista.

Os meus dados estão seguros ao comprar Ranitidina (Antak) online?

A Privacidade dos nossos pacientes está sempre garantida. Quando você compra Ranitidina (Antak) na euroClinix, todos os seus dados estarão totalmente protegidos. Dados pessoais, informações gerais, dados do cartão de crédito e informações médicas, são protegidos pelo sistema de encriptação SSL. Nenhum dos seus dados é compartilhado com terceiros sem o seu consentimento prévio. Também garantimos uma privacidade no processo de envio com a embalagem discreta e também no caso de pagar por cartão, apenas aparecerá no seu extrato a sigla da nossa empresa "HHC" ou do intermediário "goInterpay".

O que é a Ranitidina (Antak)?

O Cloridrato de Ranitidina, ou simplesmente Ranitidina, é um medicamento indicado para tratar úlceras presentes no estômago ou no duodeno decorrentes de quaisquer causas.

A Ranitidina é um medicamento classificado como da ordem dos antiácidos e antiulcerosos, podendo, com sua ação, reduzir a quantidade de ácidos estomacais e favorecer a cicatrização de úlceras pépticas do estômago e do duodeno, aliviar a gastrite e prevenir o desenvolvimento de mal-estar estomacal e da azia, entre outras complicações.

Conheça a estrutura química da Ranitidina:

geometria-molecular-ranititidina

Existem casos específicos em que outros tipos de medicamentos, como, por exemplo, antibióticos e medicamentos para artrite, podem provocar úlceras estomacais como efeito colateral. Pacientes que passam por esse tipo de tratamento, normalmente também recebem a prescrição para uso de Ranitidina, que deve ser feito concomitantemente com o tratamento para o problema diagnosticado.

Úlceras estomacais costumam sangrar com o tempo e a Ranitidina previne essa condição, além de tratar problemas provocados pelo refluxo do ácido do estômago para o esôfago, condição denominada esofagite, e de outros problemas similares que possam causar dor ou desconforto ao paciente.

A Ranitidina pode atender também pacientes portadores de problemas digestivo, dispepsia ou azia, e tratar dos problemas provocados pelo excesso de produção de ácido no estômago.

O medicamento, além disso, também pode ser usado antes da utilização de anestesia, prevenindo alguns problemas específicos que são gerados durante uma cirurgia, principalmente o excesso de ácido no estômago.

O Cloridrato de Ranitidina, portanto, pode ser indicado para as seguintes situações:

  • Tratamento de úlceras do estômago ou do duodeno, incluindo as associadas ao uso de alguns medicamentos anti-inflamatórios não esteroidais (em determinadas condições de saúde, o médico poderá prescrever o Cloridrato de Ranitidina juntamente com antibióticos);
  • Prevenção de úlceras estomacais que possam surgir como efeito colateral de agentes anti-inflamatórios não esteroidais, como determinados medicamentos para tratamento de artrite;
  • Prevenção de sangramento no estômago decorrente de úlcera péptica;
  • Tratamento de úlcera duodenal associada à infecção pela bactéria Helicobacter pylori;
  • Tratamento de problemas provocados pelo refluxo gastrointestinal, ou seja, do retorno de ácido do estômago para o esôfago, além de outras condições como essa, que provocam dor ou desconforto;
  • Tratamento de indigestão, dispepsia (dificuldade na digestão de alimentos) ou azia;
  • Tratamento de úlceras pós-operatórias;
  • Tratamento da síndrome de Zollinger-Ellison, uma doença conhecida por provocar úlceras de maior gravidade, além de extrema acidez gástrica e tumores das células do pâncreas secretoras de gastrina, o hormônio presente na secreção gástrica;
  • Tratamento de dispepsia episódica crônica, uma doença caracterizada por dor epigástrica, que surge na parte mais alta do abdômen, ou retroesternal, quando ocorre atrás do osso esterno, que se localiza no meio do peito, associadas às refeições ou a distúrbios do sono;
  • Prevenção de úlcera provocada por estresse em pacientes em estado grave;
  • Prevenção da síndrome de Mendelson, uma condição física caracterizada por distúrbios pulmonares provocados pela aspiração de secreção gástrica pelo trato respiratório.

Além da versão genérica, a Ranitidina também pode ser encontrada nas seguintes marcas Antak, Ranidin, Ranidil, Ultidin e Ulcerocin.

Composição da Ranitidina (Antak)

A Ranitidina pode ser encontrada em xarope, em comprimidos e em solução injetável.

A Ranitidina xarope apresenta a seguinte composição: princípio ativo à razão de 15 mg/ml por cada um mililitro do xarope, contendo 16,8 mg de Cloridrato de Ranitidina.

Os excipientes presentes na fórmula do xarope são o ácido ascórbico, o ciclamato de sódio, o fosfato de sódio dibásico dodecaidratado, a sacarina sódica di-hidratada, o metabissulfito de sódio, o sorbitol, o metilparabeno, o propilparabeno, o glicerol, aroma de banana, aroma de groselha e água purificada.

Em comprimidos, a Ranitidina contém a seguinte composição: 168 mg de Cloridrato de Ranitidina, o que equivale e 150 mg do princípio ativo, e os seguintes excipientes: álcool etílico, dióxido de titânio, estereato de magnésio, croscarmelose sódica, povidona, celulose microcristalina, hipromelose e macrogol, dióxido de silício.

Em comprimidos, a Ranitidina também é encontrada na dosagem de 300 mg por cada comprimido, contendo, além dos excipientes já relatados para o comprimido de 150 mg, 336 mg de Cloridrato de Ranitidina.

Na solução injetável, a Ranitidina contém 25 mg de princípio ativo, ou 28 mg de Cloridrato de Ranitidina, o que equivale àquela quantidade da Ranitidina pura, além dos excipientes: água para injeção, fenol, fosfato de sódio dibásico e fosfato de potássio monobásico.

Quais as doses disponíveis para a Ranitidina (Antak)?

A Ranitidina está disponível em forma de xarope, contendo 1 frasco de 120 ml com 15 mg/ml do princípio ativo mais um copo dosador; em embalagens com 10 e 20 comprimidos contendo 150 ou 300 mg do princípio ativo; e em forma de solução injetável (25 mg/ml), com 5 ou 100 ampolas de 2 ml.

Além da versão genérica, as doses disponíveis de Ranitidina podem variar, de acordo com as marcas comercializadas, como Antak, Ranidin, Ranidil, Ultidin e Ulcerocin.

Como funciona a Ranitidina (Antak)?

O princípio ativo conhecido como Ranitidina é um medicamento antagonista do receptor histamínico H2, dotado de alta seletividade e com início de ação bastante rápida.

A Ranitidina oferece uma ação de longa duração, de forma que uma única dose de 150 mg, no caso dos comprimidos, suprime de forma bastante eficiente a secreção ácida do estômago, oferecendo benefícios por até 12 horas.

Além disso, o princípio ativo inibe a secreção basal e estimulada de ácido, reduzindo tanto o seu volume quanto o conteúdo de ácido e pepsina da secreção gástrica.

Os estudos clínicos realizados antes da aprovação do medicamento pelos órgãos fiscalizadores de saúde demonstraram que a Ranitidina, associada ao Metronidazol e a Amoxilina, consegue erradicar completamente a bactéria Helicobacter pylori em pelo menos 90% dos pacientes tratados.

A terapia de combinação consegue reduzir significativamente a recidiva de úlceras duodenais. A bactéria H. pylori se encontra presente em pelo menos 95% dos pacientes portadores de úlcera duodenal e em 80% dos pacientes portadores de úlcera gástrica.

O Cloridrato de Ranitidina contém o princípio ativo em sua forma pura, servindo para a redução de suco gástrico produzido pelo estômago, ao mesmo tempo em que também favorece a cicatrização de úlceras pépticas e reduzir os sintomas da gastrite, prevenindo também as complicações causadas por esses problemas gastrointestinais.

O medicamento apresenta melhoria dos sintomas após os primeiros dias de tratamento. Contudo, o tratamento deve ser continuado por todo o tempo determinado pelo médico, já que a supressão ou descontinuidade no tratamento podem trazer toda a dor e desconforto novamente.

Entenda como a secreção ácida é regulada com a ação de fármacos:

regulacao-secrecao-acida-acao-farmacos

Eficácia e segurança da Ranitidina (Antak) de acordo com estudos clínicos

A absorção da Ranitidina pelo organismo após a administração oral é rápida, conforme constatado em estudos clínicos com a substância. As concentrações plasmáticas máximas, geralmente na faixa de 300 a 550 ng/ml, são atingidas dentro de duas a três horas após a administração oral de uma dose de 150 mg.

Concentrações de Ranitidina no plasma são proporcionais a dose de até 300 mg. A absorção não é significativamente comprometida por alimentos ou por outros antiácidos.

Nos estudos clínicos, a Ranitidina não se mostrou extensivamente metabolizada. A eliminação da substância acontece em primeiro lugar por secreção tubular, principalmente sob a forma livre, ou seja, não conjugada, e, em menor quantidade, sob a forma de metabólitos.

A meia-vida de eliminação da Ranitidina é de aproximadamente duas a três horas. Os estudos clínicos demonstraram que 93% da dose por via intravenosa são eliminadas pela urina e 6% pelas fezes.

Análises de urina excretada por pacientes testados clinicamente nas primeiras 24 horas após a administração, constataram que 70% da dose intravenosa e 35% da dose oral foram eliminadas sem qualquer alteração.

O metabolismo da Ranitidina é similar tanto depois da administração oral quanto da intravenosa. Cerca de 6% da dose é excretada pela urina na forma de N-óxido, 2% como S-óxido, 2% como desmetilranitidina e 2% como análogo do ácido furóico.

Um estudo foi realizado para a administração combinada de Ranitidina em pacientes com profilaxia de sangramento gastrointestinal, decorrente de tratamentos de dupla terapia antiplaquetária, ou DTAP, com aspirina e Clopidogrel.

O estudo contou com a participação de 121 pacientes. Do total, 66 deles não estavam fazendo uso de qualquer tipo de medicamento para profilaxia de sangramento gastrointestinal, enquanto que 55 estavam utilizando a Ranitidina em comprimidos de 150 mg, por via oral, duas vezes ao dia. As médias apresentadas pelos pacientes que fizeram uso de Ranitidina demonstraram que o medicamento é extremamente eficiente para a maior parte dos pacientes tratados.

Além disso, o uso de Ranitidina não demonstrou apresentar qualquer interferência com o efeito antiplaquetário do Clopidogrel em pacientes em uso de DTAP.

Como usar a Ranitidina (Antak)?

A Ranitidina em xarope de 15 mg/ml tem sua dose recomendada de 150 mg para tratamento de úlcera gástrica ou de úlcera duodenal, devendo ser administrada duas vezes por dia, ou, dependendo da recomendação médica, em uma única dose de 300 mg à noite, antes de dormir.

No caso de tratamentos mais prolongados, o médico pode recomendar uma dose única de 150 mg, tomada apenas à noite. É preciso ressaltar que o medicamento em forma de xarope não deve ser diluído em outros líquidos ou preparações.

Os comprimidos contêm 150 ou 300 mg de Ranitidina e a dose recomendada para tratamento da úlcera gástrica, úlcera duodenal ou esofagite de refluxo, é de 150 mg, tomados 2 vezes por dia, ou em dose única de 300 mg, somente à noite.

O tratamento pode variar entre 4 a 12 semanas. Os comprimidos devem ser engolidos inteiros, juntamente com um copo de água, sem que sejam partidos ou mastigados.

No caso de Ranitidina injetável, contendo 25 mg/ml do princípio ativo, o tratamento deve ser indicado pelo médico e a administração da Ranitidina injetável deve ser feita através de uma injeção lenta, diretamente na veia, durante 2 a 3 minutos, devendo ser aplicada de 6 em 6 ou de 8 em 8 horas.

Quais são os efeitos colaterais da Ranitidina (Antak)?

Como outros medicamentos de prescrição, a Ranitidina pode provocar alguns efeitos colaterais.

Como os efeitos colaterais são raros, recomenda-se que, quando o paciente sentir algum deles e quando o mesmo não é reduzido durante os primeiros dias do tratamento, deve procurar assistência médica.

Confira os efeitos colaterais da Ranitidina:

Efeitos Colaterais da Ranitidina
Efeitos Colaterais Raros
  • respiração ofegante
  • dor e aperto no peito
  • inchaço nas pálpebras, na face, ou nos lábios, boca e língua
  • urticárias ou fissuras na pele
  • febre
  • sensação de fraqueza
  • náusea
  • perda do apetite
Efeitos Colaterais Muito Raros
  • pele e olhos amarelados
  • redução dos batimentos cardíacos ou batimentos irregulares
  • vertigem
  • cansaço ou fraqueza excessiva
  • visão embaçada
  • queda de cabelo
  • impotência
  • dor no estômago
  • diarreia
  • falta de ar
  • fadiga
  • infecções recorrentes
  • hematomas

Lembrando que, devido ao fato de o princípio ativo ser o mesmo, os efeitos colaterais serão os mesmos para a versão genérica e as marcas Antak, Ranidin, Ranidil, Ultidin e Ulcerocin.

Quais são as precauções, interações e contraindicações da Ranitidina (Antak)?

A Ranitidina é contraindicada para mulheres grávidas, que estejam pretendendo engravidar ou que estejam amamentando, além de não poder ser prescrita para pacientes alérgicos ao princípio ativo ou a qualquer dos componentes de sua formulação.

No caso de Ranitidina comprimidos, a contraindicação é para crianças e para pacientes com problemas nos rins ou com porfiria.

Ao ser prescrito para o uso de Ranitidina, o paciente deve falar com seu médico se houver alguma suspeita de úlcera gástrica com sintomas, como dor no estômago, enjoo, vômito ou sensação de estômago cheio ou pesado depois das refeições.

O paciente também deve informar se apresenta doenças ou problemas renais ou hepáticos, porfiria aguda ou qualquer outra doença, além dos medicamentos que estiver utilizando para qualquer outro tipo de tratamento.

O tratamento com Ranitidina não deve ser interrompido sob qualquer pretexto sem conhecimento do médico e os horários, doses e duração do tratamento devem ser rigidamente respeitados.

No caso de mulheres grávidas ou que estejam amamentando, a Ranitidina só deve ser usada sob indicação médica e apenas quando for extremamente necessária, uma vez que a substância atravessa a barreira placentária, podendo também passar para o leite materno.

Interações medicamentosas

A Ranitidina pode interagir com outros medicamentos e, portanto, o médico poderá recomendar ajuste na dosagem ou interrupção do tratamento com esse princípio ativo, devendo encontrar alternativas.

O paciente deve conversar com seu médico se já fez uso ou está usando um ou mais dos seguintes medicamentos:

  • Diazepam, Trizolam e Midazolam, utilizados para tratamento de ansiedade e dificuldade de dormir;
  • Lidocaína, usado como anestésico;
  • Fenitoína, utilizado para controlar alguns tipos de convulsão, como no caso de epilepsia;
  • Propanolol, medicamento usado para tratamento de hipertensão
  • Teofilina, utilizado no tratamento de problemas asmáticos;
  • Procainamida e N-acetilprocainamida, medicamentos usados para o tratamento de arritmia cardíaca;
  • Glipizida, medicamento usado no tratamento de diabetes;
  • Cetoconazol, medicamento indicado para o tratamento de infecções provocadas por fungos;
  • Atazanavir e Delavirdina, medicamentos indicados para tratamento de infecções provocadas pelo HIV;
  • Gefitinibe, usado no tratamento de alguns tipos de câncer;
  • Sucralfato, medicamento indicado para tratar úlceras estomacais.

Fontes:

Dados do Medicamento
Dados do Medicamento
Nome: Ranitidina
Nomes Comerciais: Antak, Ranidin, Ranidil, Ultidin e Ulcerocin.
Princípio ativo: Cloridrato de Ranitidina
Fabricantes: vários
Descrição: A Ranitidina é indicada no tratamento de u´lcera duodenal e u´lcera ga´strica benigna, incluindo aquelas associadas a agentes anti-inflamato´rios na~o-esteroidais. Tambe´m e´ usada na prevenc¸a~o de u´lceras duodenais associadas a agentes anti-inflamato´rios na~o-esteroidais e situac¸o~es em que e´ deseja´vel a reduc¸a~o da produc¸a~o de a´cido.
Dispensa: Medicamento sujeito à receita médica
Administração: Uso Oral e Injetável
Apresentação: 10 e 20 comprimidos; 1 frasco de 120 ml com um copo dosador; 5 ou 100 ampolas de 2 ml
Dose: 25mg, 150mg, 300mg
Aplicação: Adulto e pediátrico
Posologia: De acordo com orientação médica
Classe: Antiácido
Com álcool: Não recomendado
Durante a amamentação: Não recomendado
Durante a gravidez: Não recomendado
Download da bula do medicamento Ranitidina (Antak)
Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Avaliação de Serviço
Rating
Excelente
5 4.7
4,586 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço
Avaliação de Produtos
Nossos pacientes adoram o nosso serviço
  • Atendimento ao paciente acessível para todos

    Serviço de atendimento ao paciente: Seg. - Sex. das 06:00h - 17:00h (Horário de Brasília)
  • Todos os serviços estão incluídos no preço

    Consulta médica online, prescrição e entrega + possibilidade de parcelamento
  • Entrega Expressa

    Entrega garantida de 4-6 dias (UPS) ou 7-12 dias (Correios)
Alternativas ao Ranitidina (Antak)
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?