Outros Tratamentos

Cimetidina (Tagamet)

Comprar Cimetidina (Tagamet) online - Envio e validação de receita médica

  • Cimetidina (Tagamet)
  • Cimetidina (Tagamet)
Excelente   4.7 4,416 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço

A Cimetidina é um medicamento desenvolvido para o tratamento de úlceras no estômago e no intestino, além de outros problemas relacionados com o excesso de ácido no estômago, reduzindo sua acidez.

A Cimetidina é um princípio ativo que também pode ser encontrado com os nomes comerciais de Ulcimet e de Ulcidine, além de Tagamet, podendo ser encontrado em forma de comprimidos e de ampolas.

Na euroClinix, você pode comprar o medicamento Cimetidina online. Basta preencher um questionário e enviar a receita médica emitida pelo seu profissional de saúde.

O Cimetidina (Tagamet) está sendo revisado pelo nosso médico parceiro e não podemos aceitar pedidos no momento. Para mais informações, entre em contato contato com a equipe de atendimento ou deixe seu email para ser notificado quando o Cimetidina (Tagamet) estiver aprovado para venda.

Perguntas e respostas sobre como comprar Cimetidina (Tagamet) online

Como consigo comprar o medicamento de prescrição Cimetidina na euroClinix?

A Cimetidina é um medicamento de prescrição e só pode ser comprado online com receita médica. Se você quiser comprar Cimetidina online a euroClinix, você tem que ter em mãos a receita prescrita pelo seu médico ou sua médica. O processo é bastante simples: basta preencher um rápido formulário com informações pessoais e informações do médico ou da médica que emitiu a prescrição e fazer o upload da prescrição no nosso checkout.

É seguro comprar Cimetidina online na euroClinix?

A euroClinix está legalmente autorizada para a venda de medicamentos online pela entidade britânica (MHRA) e também pela Agência Europeia de Medicamentos (veja o final da página abaixo de "Somos Certificados por:"). Se você se deparar com alguma farmácia física ou online que não requisite a prescrição médica ou qualquer dado médico, que tem preços demasiado baixos, não tem atendimento português e não tem um registo de farmácia evidente, além de potencialmente pôr a sua vida em risco, você estará cooperarando com uma atividade criminosa com possíveis implicações legais. Escolha uma opção segura, escolha a euroClinix.

Posso comprar Cimetidina sem receita médica?

Segundo determinação da Anvisa, não é possível comprar Cimetidina sem receita médica. A Cimetidina é considerado um medicamento de prescrição médica, ou seja, se quiser comprar, o seu estado de saúde terá de ser previamente verificado por um médico fisicamente. Qualquer farmácia física ou na internet que venda Cimetidina sem receita não está agindo de acordo com a legislação.

Qual é o preço da Cimetidina na euroClinix?

A euroClinix preza pelo seu serviço de excelência. O preço do medicamento Cimetidina inclui todo esse serviço, nomeadamente, o medicamento Cimetidina original e a entrega grátis em embalagem discreta. Além disso, temos uma equipe de atendimento ao paciente e equipe médica sempre ao dispor para qualquer tipo de esclarecimento.Você pode consultar os preços no início da página.

Ao usar o nosso serviço, você economizará tempo e não precisará visitar uma farmácia local.

Quais os métodos de pagamento disponíveis?

Comprando medicamentos online através da euroClinix, você pode fazer o pagamento da forma que escolher, seja através de cartões de débito ou de crédito (nacional ou internacional) ou por boleto bancário.Aceitamos pagamentos em parcelas de até 6x e também à vista.

Os meus dados estão seguros ao comprar Cimetidina online?

A Privacidade dos nossos pacientes está sempre garantida. Quando você compra Cimetidina na euroClinix, todos os seus dados estarão totalmente protegidos. Dados pessoais, informações gerais, dados do cartão de crédito e informações médicas, são protegidos pelo sistema de encriptação SSL. Nenhum dos seus dados é compartilhado com terceiros sem o seu consentimento prévio. Também garantimos uma privacidade no processo de envio com a embalagem discreta e também no caso de pagar por cartão, apenas aparecerá no seu extrato a sigla da nossa empresa "HHC" ou do intermediário "goInterpay".

O que é a Cimetidina (Tagamet)?

A Cimetidina, tanto o medicamento genérico quanto os medicamentos das marcas Tagamet, Ulcimet e Ulcidine, é indicado nos seguintes casos:

  • Tratamento de úlceras no estômago e no duodeno;
  • Tratamento e prevenção de sangramento das úlceras;
  • Em situações em que o estômago produz muito ácido, podendo levar a sangramento;
  • Para tratamento de azia ou outras condições causadas pelo excesso de acidez estomacal;
  • No pré-operatório, antes de anestesia geral;
  • Para pessoas que apresentam síndrome do intestino curto e sofram com perda de líquidos ou que tenham dificuldade em absorvê-los.

Conheça a estrutura química da Cimetidina:

geometria-molecular-cimetidina

Composição da Cimetidina (Tagamet)

A Cimetidina é encontrado em comprimidos revestidos de 200 mg e de 400 mg. Cada comprimido contém essa dosagem do princípio ativo Cimetidina, além dos seguintes excipientes: laurilsulfato de sódio, amido de milho, estereato de magnésio, celulose microcristalina, amidoglicolato de sódio, polvidona, corante amarelo ocre cosmético, corante azul FDC n° 2 e Opadry Y-5-11290.

Na solução injetável, a Cimetidina é encontrado em ampolas contendo 2 ml, contendo 300 mg de Cimetidina, ácido clorídrico e água para injeção.

Quais as doses disponíveis para a Cimetidina (Tagamet)?

Os medicamentos contendo Cimetidina (versão genérica, Tagamet, Ulcimet e de Ulcidine) podem ser encontrado na forma de comprimidos e de solução injetável.

Os comprimidos são comercializados em embalagens com 10 e 40 comprimidos, para a dose de 200 mg, e em 16 comprimidos para a dose de 400 mg.

Em solução injetável, o medicamento pode ser encontrado em embalagens com 6 ampolas de 2 ml.

Como funciona a Cimetidina (Tagamet)?

A Cimetidina possui, como princípio ativo, a Cimetidina, uma substância que reduz a acidez estomacal, sendo eficaz no tratamento de úlceras gástrica e duodenal, além de algumas situações em que seja necessário reduzir a acidez do estômago.

A Cimetidina é um medicamento antagonista dos receptores H2, sendo, dessa forma, de estrutura semelhante à histamina. Sua ação no organismo acontece através da inibição competitiva com a histamina pelos receptores H2 das células parietais.

Assim, o medicamento inibe a secreção gástrica basal estimulada por alimentos ou por substâncias como betazol, pentagastrina, cafeína e insulina, reduzindo o volume e a acidez da secreção.

A Cimetidina não reduz a secreção da pepsina, mas sua produção total fica reduzida, como efeito exercido sobre o volume das secreções gástricas. Assim, além de apresentar um efeito anti secretor, a Cimetidina oferece ação citoprotetora, ajudando na manutenção da integridade da mucosa do estômago.

Confira, na tabela a seguir, os resultados de estudos em relação à eficácia e segurança da Cimetidina:

Eficácia e segurança da Cimetidina (Tagamet) de acordo com estudos clínicos
  • Os estudos clínicos demonstraram que a Cimetidina apresenta eficácia no tratamento de úlcera duodenal em 88% dos pacientes, desde que usado em duas doses diárias de 400 mg durante 8 semanas.
  • A eficácia no tratamento para esofagite péptica atingiu níveis entre 72 e 92% com doses de 800 mg, duas vezes ao dia.

Como usar a Cimetidina (Tagamet)?

A Cimetidina em comprimido deve ser tomada sempre nos mesmos horários, devendo ser engolido inteiro juntamente com um copo de água. O paciente não deve tomar uma dose maior do medicamento do que a prescrita. Se considerar que a dose está muito fraca ou muito forte, deve conservar com o médico.

A dosagem ideal do medicamento é diferente de um paciente para outro, dependendo de uma série de fatores.

A dose diária não deve ser superior a 2,4 gramas, ou 12 comprimidos de 200 mg ou 6 de 400 mg. A dose deve ser reduzida em pacientes com comprometimento da função renal.

Para adultos

Adultos com úlcera gástrica benigna ou duodenal são prescritos para uma dose diária única de 800 mg de Cimetidina, ou seja, 4 comprimidos de 200 mg ou 2 comprimidos de 400 mg, ao deitar. Em outras indicações, a dose usual é de 2 comprimidos de 200 mg ou um de 400 mg duas vezes ao dia: pela manhã e ao anoitecer.

O médico poderá também indicar 1 comprimido de 200 mg, 3 vezes ao dia, no horário das refeições e 2 comprimidos de 200 mg ao deitar.

Caso a dosagem seja inadequada, o médico deverá fazer as alterações necessárias.

O alívio dos sintomas é geralmente rápido, com um tratamento que deve começar por pelo menos 4 semanas, ou 6 semanas no caso de úlcera gástrica benigna, podendo chegar a 8 semanas quando a úlcera apresenta sangramento.

O médico poderá recomendar um tratamento mais prolongado se observar que o paciente pode ser beneficiado com a redução da secreção estomacal em longo prazo. Nesse caso, a dosagem deve ser adaptada, conforme o profissional considerar apropriado.

Em pacientes com úlcera péptica benigna, a recorrência pode ser prevenida pelo tratamento continuado, geralmente com 400 mg ao deitar.

Para refluxo gastroesofágico, o médico poderá indicar tratamento com 400 mg de Cimetidina 4 vezes ao dia, às refeições e ao deitar, por 4 a 8 semanas.

Pacientes com secreção gástrica mais intensa, como na síndrome de Zollinger-Ellison, a dosagem pode ser de 400 mg, 4 vezes ao dia ou mais em situações ocasionais.

Até que os sintomas desapareçam completamente, o médico poderá indicar antiácidos para aliviar a acidez estomacal.

Em pacientes gravemente acometidos, as doses de 200 ou de 400 mg podem ser administradas a cada 4 ou 6 horas.

Pacientes considerados em risco de síndrome de aspiração ácida, quando o ácido estomacal é aspirado pelas vias respiratórias, devem tomar uma dose de 400 mg de 90 a 120 minutos antes da indução de anestesia geral, ou, na obstetrícia, quando começar o trabalho de parto.

Havendo continuidade do risco, pode ser repetida uma dose de até 400 mg em intervalos de 4 horas, até a dose máxima de 2,4 gramas.

Para crianças

Em crianças com mais de um ano de idade, a dose recomendada é de 25 a 30 mg por quilo de peso corporal ao dia, em doses divididas e administradas por via oral. O tratamento de crianças menores de 1 ano de idade não foi avaliado totalmente nos estudos clínicos, mas doses de 20 mg por quilo de peso corporal tem sido recomendada pelos médicos.

Para idosos

Exceto em casos em que o paciente tiver as funções renais comprometidas, a dose usual para idosos é a mesma da indicada para adultos mais jovens.

Solução injetável

A solução injetável pode ser usada via intramuscular ou via intravenosa.

No caso de via intramuscular, é necessário administrar uma ampola, ou 300 mg do medicamento, a cada 4 a 6 horas, dependendo do tratamento.

No caso de via intravenosa, para infusão intermitente, é necessário administrar 300 mg do medicamento diluído em 100 ml de solução intravenosa compatível e infundir por um período mínimo de 30 minutos.

A dose diária total não deve ser superior a 8 ampolas, ou 2.400 mg.

Para infusão contínua é necessário administrar 300 mg de Cimetidina diluído em 100 ml de solução de cloreto de sódio a 0,9%. A velocidade de infusão não deve ser superior a 75 mg por hora durante 24 horas, não devendo exceder a dose diária de 2.400 mg.

Em injeções simples, basta diluir 300 mg do medicamento em até 20 ml de uma solução intravenosa compatível, administrando lentamente o fármaco por um mínimo de 2 minutos e, nesse caso, a dose diária é de 800 a 1.600 mg, em doses divididas.

Quais são os efeitos colaterais do Cimetidina (Tagamet)?

Como qualquer medicamento de prescrição, a Cimetidina, tanto o medicamento genérico quanto os medicamentos das marcas Tagamet, Ulcimet e de Ulcidine, pode provocar efeitos colaterais indesejáveis. As reações adversas estão listadas a seguir, com sua frequência, conforme analisado nos estudos clínicos.

Efeitos colaterais da Cimetidina
Efeitos colaterais comuns, que podem ocorrer entre 1 e 10% dos pacientes em tratamento:
  • Dor de cabeça;
  • Tontura;
  • Diarreia;
  • Dores musculares (mialgia);
  • Cansaço;
  • Erupções cutâneas (reações alérgicas na pele).
Efeitos colaterais incomuns, que podem ocorrer entre 0,1 e 1% dos pacientes:
  • Leucopenia (diminuição do número de leucócitos – tipo de célula de defesa presente sangue);
  • Sensação de tristeza, depressão;
  • Alucinações (ver, sentir e/ou ouvir coisas que não existem realmente);
  • Confusão mental, reversível dentro de alguns dias após a retirada da Cimetidina. Essa reação foi relatada geralmente em pacientes idosos ou doentes;
  • Taquicardia (aumento dos batimentos do coração);
  • Inflamação do fígado, que pode causar: enjoos, vômitos, perda de apetite, mal-estar geral, febre, coceira, amarelamento da pele e dos olhos e urina de cor escura;
  • Aumento, no sangue, de uma substância chamada creatinina;
  • Ginecomastia (aumento das mamas), geralmente reversível com a interrupção do tratamento com Cimetidina;
  • Impotência (dificuldade de ereção) reversível, relatada particularmente nos pacientes que recebem doses altas (por exemplo, na síndrome de Zollinger-Ellison). No entanto, na dosagem regular, a incidência é semelhante à da população geral.
Efeitos colaterais raros, que podem ocorrer entre 0,01 e 0,1% dos pacientes:
  • Trombocitopenia (diminuição do número de plaquetas – células responsáveis pela coagulação - no sangue);
  • Um raro tipo de anemia na qual os glóbulos vermelhos e brancos e plaquetas (elementos do sangue) estão em número reduzido. Os sintomas podem incluir cansaço, falta de ar, palidez, infecções frequentes, hematomas ou feridas na pele e sangramento do nariz;
  • Bradicardia (diminuição nos batimentos do coração);
  • Alterações do fígado que podem levar ao comprometimento de sua função (aumento das enzimas hepáticas), eliminado com a suspensão do medicamento;
  • Problemas nos rins. Os sintomas podem incluir alterações na quantidade e na cor da urina, enjoo, vômito, confusão mental, febre e erupção cutânea.
Efeitos colaterais muito raros, que podem ocorrer em menos de 0,01% dos pacientes:
  • Pancitopenia (diminuição global de elementos celulares do sangue – glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas);
  • Agranulocitose (baixa acentuada de leucócitos – célula de defesa do organismo – do tipo granulócito);
  • Reação alérgica severa, que é geralmente solucionada com a interrupção do tratamento;
  • Inflamação no pâncreas (pancreatite), solucionada com a interrupção do tratamento;
  • Artralgia (dores nas articulações);
  • Perda de cabelo;
  • Inflamação alérgica nos vasos sanguíneos (vasculite de hipersensibilidade), geralmente solucionada com a interrupção do tratamento;
  • Febre, solucionada com a interrupção do tratamento;
  • Galactorreia (secreção de leite pelas mamas);
  • Bloqueio cardíaco.

Quais são as precauções, interações e contraindicações do Cimetidina (Tagamet)?

A Cimetidina é contraindicado para pacientes que apresentem alergia conhecida ao princípio ativo Cimetidina ou a qualquer outro componente de sua fórmula.

O paciente não deve usar Cimetidina se estiver fazendo uso de Dofetilida, medicamento indicado para tratamento de arritmia cardíaca.

O paciente deve conversar com seu médico antes de usar a Cimetidina, principalmente se tiver suas funções renais comprometidas, se é portador de asma ou de epilepsia. Nessas circunstâncias, o médico deverá receitar uma dose menor do que a usual.

Interação Medicamentosa da Cimetidina

O princípio ativo Cimetidina inibe o metabolismo hepático de diversos medicamentos que se ligam ao citocromo P450, além de reduzir a absorção de outros, podendo causar interações com Cetoconazol, Digoxina, Fluconazol, Indometacina, Tetraciclina e sais de ferro.

Como pode ter sua absorção reduzida, a Cimetidina deve ser administrada pelo menos 2 horas após a administração dos seguintes medicamentos: antidepressivos tricíclicos, xantinas, benzodiazepina, bloqueador de canal de cálcio, cafeína, Carbamazepina, cloroquina, Fenitoína, lidocaína, Metronidazol, propranolol, teofilina e Varfarina.

Em razão de a Cimetidina inibir a atividade do citocromo P450, pode ocorrer um decréscimo no metabolismo de alguns medicamentos, o que pode causar eliminação retardada ou aumento da concentração sanguínea, podendo exacerbar a ação e reações adversas. Assim, o paciente deve informar o médico sobre qualquer fármaco utilizado, mesmo os de procedência natural ou que não exijam prescrição médica.

Com anticoagulantes, recomenda-se o monitoramento do tempo de protrombina, podendo haver necessidade de ajuste de dose.

Com Fenitoína e teofilina, pode haver aumento no risco de ataxia em razão do aumento da concentração desses princípios ativos no sangue, podendo haver necessidade de ajuste da posologia.

Com metoprolol e propranolol, deve ser feito monitoramento da pressão sanguínea.

Com Nifedipino, a ação hipotensora desse medicamento pode ser potencializada.

Nos estudos clínicos, a Cimetidina não apresentou interações clinicamente significativas com os betabloqueadores, havendo sido relatadas interações de mínimo valor clínico com o Diazepam e o clordiazepóxido.

Não houve alterações significativas entre a Cimetidina e os benzodiazepínicos que são metabolizados por glicuronidação, como é o caso de Oxazepam e Lorazepam.

A Cimetidina pode provocar aumento de reações adversas com analgésicos narcóticos.

Foram também relatadas alterações em exames laboratoriais com aumento da Creatinina no sangue, que não progrediram com a manutenção da terapia e desapareceram ao final do tratamento. Além disso, foram observadas elevações das transaminases séricas.

Fontes:

Dados do Medicamento
Dados do Medicamento
Nome: Cimetidina
Nomes Comerciais: Tagamet, Ulcimet, Ulcidine
Princípio ativo: Cimetidina
Fabricante: vários
Descrição: A cimetidina reduz a acidez do estômago, sendo eficaz no tratamento de úlceras gástrica e duodenal e em algumas outras situações em que é necessário reduzir a acidez do estômago.
Dispensa: Medicamento sujeito à receita médica
Administração: Uso Oral e Injetável
Apresentação: 10, 16 e 40 comprimidos; 6 ampolas de 2ml
Dose: 200mg, 300mg e 400mg,
Aplicação: Adulto e pediátrico
Posologia: De acordo com orientação médica
Classe: Antagonista do receptor H2
Com álcool: Não especificado
Durante a amamentação: Recomendado somente com orientação médica
Durante a gravidez: Recomendado somente com orientação médica
Download da bula do medicamento Cimetidina (Tagamet)
Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Avaliação de Serviço
Rating
Excelente
5 4.7
4,416 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço
Avaliação de Produtos
Nossos pacientes adoram o nosso serviço
  • Atendimento ao paciente acessível para todos

    Serviço de atendimento ao paciente: Seg. - Sex. das 06:00h - 17:00h (Horário de Brasília)
  • Todos os serviços estão incluídos no preço

    Consulta médica online, prescrição e entrega + possibilidade de parcelamento
  • Entrega Expressa

    Entrega garantida de 4-6 dias (UPS) ou 7-12 dias (Correios)
Alternativas ao Cimetidina (Tagamet)
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?