Outros Tratamentos

Cefotaxima (Cetazima)

Comprar Cefotaxima (Cetazima) online - Envio e validação de receita médica

  • Cefotaxima (Cetazima)
  • Cefotaxima (Cetazima)
Excelente   4.7 4,116 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço

A Cefotaxima sódica é uma substância utilizada para tratamento de infecções causadas por microrganismos gram-positivos e gram-negativos, servindo para o tratamento de infecções urinárias, faringites, sinusites, infecções respiratórias, infecções da pele e de tecidos moles, otite média e amigdalites.

Além disso, também é indicada em casos graves, como infecções cerebrais, gonorreia, endocardites, doença de Lyme, meningite, peritonite, pneumonia, septicemia e como profilaxia antes de cirurgias.

Na euroClinix, você pode comprar o medicamento Cefotaxima (Cetazima) online. Basta preencher um questionário e enviar a receita médica emitida pelo seu profissional de saúde.

O Cefotaxima (Cetazima) está sendo revisado pelo nosso médico parceiro e não podemos aceitar pedidos no momento. Para mais informações, entre em contato com a nossa equipe de atendimento ou deixe seu email para receber notificações quando o Cefotaxima (Cetazima) estiver aprovado para venda.

Perguntas e respostas sobre como comprar Cefotaxima (Cetazima) online

Como consigo comprar o medicamento de prescrição Cefotaxima (Cetazima) na euroClinix?

A Cefotaxima (Cetazima) é um medicamento de prescrição e só pode ser comprado online com receita médica. Se você quiser comprar Cefotaxima (Cetazima) online a euroClinix, você tem que ter em mãos a receita prescrita pelo seu médico ou sua médica. O processo é bastante simples: basta preencher um rápidoformulário com informações pessoais e informações do médico ou da médica que emitiu a prescrição e fazer o upload da prescrição no nosso checkout.

É seguro comprar Cefotaxima (Cetazima) online na euroClinix?

A euroClinixestá legalmente autorizada para a venda de medicamentos online pela entidade britânica (MHRA) e também pela Agência Europeia de Medicamentos (veja o final da página abaixo de "Somos Certificados por:"). Se você se deparar com alguma farmáciafísica ou online que não requisite a prescriçãomédica ou qualquer dado médico, que tem preços demasiado baixos, não tem atendimento português e não tem um registo de farmácia evidente, além de potencialmente pôr a sua vida em risco, você estará cooperarando com uma atividade criminosa com possíveisimplicações legais. Escolha uma opção segura, escolha a euroClinix.

Posso comprar Cefotaxima (Cetazima) sem receita médica?

Segundo determinação da Anvisa, nãoé possível comprar Cefotaxima (Cetazima) sem receita médica. A Cefotaxima (Cetazima) é considerado um medicamento de prescriçãomédica, ou seja, se quiser comprar, o seu estado de saúdeterá de ser previamente verificado por um médico fisicamente. Qualquer farmáciafísica ou na internet que venda Cefotaxima (Cetazima) sem receita nãoestá agindo de acordo com a legislação.

Qual é o preço da Cefotaxima (Cetazima) na euroClinix?

A euroClinix preza pelo seu serviço de excelência. O preço do medicamento Cefotaxima (Cetazima) inclui todo esse serviço, nomeadamente, o medicamento Cefotaxima (Cetazima) original e a entrega grátis em embalagem discreta. Além disso, temos uma equipe de atendimento ao paciente e equipe médica sempre ao dispor para qualquer tipo de esclarecimento.Você pode consultar os preços no início da página.

Ao usar o nosso serviço, você economizará tempo e nãoprecisará visitar uma farmácia local.

Quais os métodos de pagamento disponíveis?

Comprando medicamentos online através da euroClinix, você pode fazer o pagamento da forma que escolher, seja através de cartões de débito ou de crédito (nacional ou internacional) ou por boleto bancário.Aceitamos pagamentos em parcelas de até 6x e tambémà vista.

Os meus dados estão seguros ao comprar Cefotaxima (Cetazima) online?

A Privacidade dos nossos pacientes está sempre garantida. Quando você compra Cefotaxima (Cetazima) na euroClinix, todos os seus dados estarão totalmente protegidos. Dados pessoais, informações gerais, dados do cartão de crédito e informaçõesmédicas, são protegidos pelo sistema de encriptação SSL. Nenhum dos seus dados é compartilhado com terceiros sem o seu consentimento prévio. Também garantimos uma privacidade no processo de envio com a embalagem discreta e também no caso de pagar por cartão, apenas aparecerá no seu extrato a sigla da nossa empresa "HHC" ou do intermediário "goInterpay".

O que é Cefotaxima (Cetazima)?

A Cefotaxima, princípio ativo presente nos medicamentos Cetazima, Ceforan e Clarofan, é um antibiótico de terceira geração para uso parenteral. A atividade do princípio ativo é resultado da inibição da síntese da parede celular dos microrganismos, servindo para o tratamento dos mais diversos tipos de infecção causadas por microrganismos gram-positivos e gram-negativos.

O medicamento apresenta um alto grau de estabilidade na presença de diversos tipos de bactérias, sendo usado para o tratamento de infecções em organismos suscetíveis, podendo ser indicado para infecções do trato respiratório, renais, da pele, dos ossos, das articulações, dos órgãos genitais e da região abdominal.

Além disso, também pode ser indicado nos casos de gonorreia, endocardite, meningite e outras infecções do sistema nervoso central, em septicemia, na profilaxia pré-operatória de cirurgias gastrointestinais, genitourinária, obstétricas e ginecológicas, e de infecções pós-cirúrgicas, além de pacientes com baixa resistência.

Composição da Cefotaxima (Cetazima)

A Cefotaxima é disponibilizada em frasco-ampolas contendo 1.000 mg do princípio ativo, contendo como excipiente apenas água para injeção na quantidade de 5 ml.

Conheça a estrutura químa da Cefotaxima:

estrutura-quimica-cefotaxima

Quais as doses disponíveis para a Cefotaxima (Cetazima)?

A Cefotaxima pode ser encontrada erm embalagens contendo 50 frascos-ampola contendo 500 mg ou 1.000 mg do princípio ativo, com diluente.

O princípio ativo é comercializado no Brasil, principalmente, com os nome comerciais de Cetazima, Ceforan e Clarofan. Como medicamento genérico, pode ainda ser encontrado com o nome do princípio ativo e com os nomes comerciais Clafordil e Kefoxin.

Como funciona a Cefotaxima (Cetazima)?

A Cefotaxima atinge diretamente a parede celular de microrganismos sensíveis, impedindo seu desenvolvimento e reprodução. O princípio ativo é eficaz para o tratamento e eliminação dos seguintes microrganismos:

  • Aeromonas hydrophila
  • Bacillus subtilis
  • Bordetella pertussis
  • Borrelia burgdorferi
  • Moraxella (Branhamella) catarrhalis
  • Citrobacter diversus
  • Citrobacter freundii
  • Clostridium perfringens
  • Corynebacterium diptheriae
  • Escherichia coli
  • Enterobacter spp
  • Erysipelothix insidiosa
  • Eubacterium
  • Haemophilus penicillinase produtoras de cepas incluindo ampi-R
  • Klebsiella pneumoniae
  • Klebsiella oxytoca
  • Methi-S-Staphylococcus incluindo penicilinases e não-penicilinases produtores de cepas
  • Morganella morganii
  • Neisseria gonorrhoeae penicillinase e não penicillinase produtoras de cepas
  • Neisseria meningitides
  • Propionibacterium
  • Proteus mirabilis, vulgares
  • Providencia
  • Streptococcus pneumoniae
  • Salmonella
  • Serratia spp
  • Shiguella
  • Streptococcus spp
  • Veillonella
  • Yersinia

Eficácia e segurança da Cefotaxima (Cetazima) de acordo com estudos clínicos

A Cefotaxima foi avaliada em uma série de estudos clínicos, que podem ser encontrados no site da FDA – Food and Drug Administration, dos Estados Unidos. Entre esses estudos, podemos destacar:

  • Reavaliação de sua atividade antibacteriana e propriedades farmacocinéticas, e uma revisão de sua eficácia terapêutica quando administrada duas vezes ao dia para o tratamento de infecções moderadas leves. Drogas;
  • Perfil de segurança e eficácia da Cefotaxima no tratamento de crianças hospitalizadas. Doenças de infecções clínicas;
  • Eficácia de uma dose baixa de Cefotaxima em infecções graves no peito. Investigações clínicas em cuidados intensivos;
  • Eficácia e segurança da Cefotaxima no tratamento de infecções pediátricas.

Como usar a Cefotaxima (Cetazima)?

A Cefotaxima é utilizada através de injeção intramuscular ou intravenosa, devendo ser reconstituído com o diluente que acompanha a embalagem.

Antes de sua utilização, é necessário inspecionar a solução para verificar a presença de partículas em suspensão e possível descoloração. Para evitar problemas de contaminação, é necessário tomar cuidado durante a constituição, assegurando maior assepsia. Uma coloração amarelada da solução depois da reconstituição não indica alteração na eficácia do medicamento.

A infusão pode ser preparada com os seguintes líquidos: água para injetáveis, cloreto de sódio a 0,9%, dextrose 5%, solução de Ringer, lactato de sódio e poligelina.

A Cefotaxima não deve ser misturada com outros antibióticos na mesma seringa ou no mesmo líquido de infusão.

Depois da reconstituição, a Cefotaxima deve ser usada imediatamente, podendo isso ser feito das seguintes maneiras:

Administração intravenosa

Para injeção intravenosa, o conteúdo de um frasco-ampola de Cefotaxima deve ser diluído em água para injetáveis. Depois da reconstituição a solução deve ser administrada durante um tempo de 3 a 5 minutos.

Infusão intravenosa

Quando forem necessárias doses maiores, a administração pode ser feita por infusão intravenosa. Para uma infusão curta, deve-se dissolver 2 g de Cefotaxima em 40 ml de água para injetáveis ou em soluções usuais de infusão, devendo ser administrado durante 20 minutos.

Para infusão de gotejamento contínuo, deve-se dissolver 2 g de Cefotaxima em 100 ml de uma das soluções de infusão, administrando-se durante 50 a 60 minutos. Soluções de bicarbonato de sódio não devem ser misturadas com o medicamento.

Administração intramuscular

Para administração intramuscular, o conteúdo do frasco-ampola deve ser dissolvido em 2 ou 4 ml de água para injetáveis. A solução deve ser injetada no músculo glúteo em profundidade. A dor provocada pela injeção pode ser aliviada dissolvendo-se a Cefotaxima em quantidade igual de solução de Lidocaína 1%.

Nesse caso, não é aconselhável administrar mais do que 4 ml em um mesmo lado da nádega, sendo recomendado a injeção intravenosa no caso de a dose diária exceder 2 g ou se a Cefotaxima for administrada mais do que duas vezes ao dia.

Posologia

Em adultos e adolescentes acima de 12 anos de idade, a posologia e a vida de administração devem ser determinadas pela suscetibilidade do microrganismo, da gravidade da infecção e da condição do paciente. Adultos e crianças devem receber usualmente 1 a 2 g de Cefotaxima a cada 12 horas.

Em casos de infecções com patógenos de menor suscetibilidade, pode ser necessário aumentar a dose diária. Havendo necessidade de doses acima de 2 g e quando a dose diária exceder a 4 g, a administração deve ser obrigatoriamente intravenosa.

Para o tratamento de gonorreia é recomendado uma dose única de 0,5 g por via intramuscular, devendo aumentar a dose no caso de microrganismos menos sensíveis.

Antes de iniciar o tratamento com Cefotaxima, é necessário examinar o paciente com relação à sífilis.

Na profilaxia de infecções pós-cirúrgicas é recomendado administrar uma dose de 1 a 2 g, 30 a 60 minutos antes do início da cirurgia. Dependendo do risco de infecção, a dose pode ser repetida.

Duração do tratamento

A administração de Cefotaxima deve ser prolongada por um mínimo de 48 a 72 horas após o paciente ter sua temperatura abaixada, como ocorre na terapia com antibióticos de uma forma geral, ou após a constatação da erradicação da inflamação.

Como não existem estudos sobre os efeitos do medicamento administrados por outras vias, por segurança e para garantir sua eficácia, a administração apenas deve ser feita por via intravenosa ou intramuscular, dependendo da prescrição médica.

Quais são os efeitos colaterais da Cefotaxima (Cetazima)?

Como qualquer outro medicamento de prescrição, a Cefotaxima pode provocar alguns efeitos colaterais. Os efeitos da Cefotaxima foram classificados da seguinte maneira:

  • Efeitos colaterais muito comuns, podendo ocorrer em mais de 10% dos pacientes tratados;
  • Efeitos colaterais comuns, que podem ocorrer entre 1 e 10% dos pacientes;
  • Efeitos colaterais incomuns, que podem atingir entre 0,1 e 1% dos pacientes;
  • Efeitos colaterais raros, que podem ocorrer entre 0,01 e 0,1% dos pacientes;
  • Efeitos colaterais muito raros, que podem acometer menos de 0,01% dos pacientes.

Os efeitos colaterais observados durante os estudos clínicos e no período pós-comercialização de Cefotaxima foram os seguintes:

Efeitos Colaterais da Cefotaxima (Cetazima)
Infecções e Infestações Superinfecção
  • Desconhecido: superinfecção.
  • Desconhecida: como acontece com outros antibióticos, o uso prolongado de Cefotaxima pode resultar em crescimento excessivo de microrganismos não sensíveis ao medicamento.
Distúrbios do sistema imunológico Distúrbios do sangue e do sistema linfático
  • Incomum: reação de Jarisch-Herxheimer, que pode causar cefaleia, febre, calafrios, mal-estar, hipotensão e sudorese, dores articulares e musculares, náusea e exacerbação de lesões de pele.
  • Desconhecida: reações anafiláticas, angioedema, broncoespasmo e choque anafilático.
  • Incomum: leucopenia, eosinofilia, trombocitopenia.
  • Desconhecida: insuficiência da medula óssea, pancitopenia, neutropenia, agranulocitose, anemia hemolítica.
Distúrbios do sistema nervoso Distúrbios gastrointestinais
  • Incomum: convulsões.
  • Desconhecida: perda de consciência, movimentos anormais, dor de cabeça, tontura.
  • Incomum: diarreia.
  • Desconhecida: náusea, vômito, dores abdominais, infecção do intestino provocada por bactérias.
Distúrbios hepatobiliares Distúrbios cardíacos
  • Incomum: aumento das enzimas do fígado.
  • Desconhecida: hepatite, às vezes com icterícia.
  • Desconhecida: arritmia cardíaca após a administração intravenosa por infusão rápida.
Distúrbios renais e urinários Distúrbios gerais e no local da administração
  • Incomum: redução da função dos rins e aumento da creatinina, principalmente quando administrado juntamente com aminoglicosídeos.
  • Desconhecida: falência renal aguda, nefrite intersticial (a administração de altas doses de antibióticos do tipo de Cefotaxima, principalmente em pacientes com insuficiência renal, pode resultar em disfunção do sistema nervoso central, com prejuízo da consciência, movimentos anormais e convulsão).
  • Muito comum: dor no local da aplicação.
  • Incomum: febre, reações inflamatórias no local da aplicação, inclusive com tromboflebite e flebite, ou seja, inflamação da veia.
  • Desconhecida: reações sistêmicas à Lidocaína, no caso de injeção intramuscular usando como solvente essa substância.
Distúrbios hepáticos Distúrbios cardíacos
  • Desconhecida: aumento dos níveis séricos das enzimas hepáticas. Essas anormalidades laboratoriais, que podem ser explicadas pela infecção, raramente excedem duas vezes o limite superior normal e conclui o padrão do dano no fígado, geralmente com parada ou dificuldade de excreção da bile, sendo, de forma bastante frequente, assintomático.
  • Incomum: erupção cutânea, coceira, urticária.
  • Desconhecida: distúrbio da pele em decorrência de reação alérgica, reação alérgica gerando bolhas em mucosas e em grandes áreas do corpo, necrólise epidérmica tóxica, pequenas lesões de pele com conteúdo purulento aparecendo por todo o corpo.

Jarisch-Herxheimer

Durante o tratamento para infecções provocadas por espiroquetas, um tipo de microrganismo, podem ocorrer as reações de Jarisch-Herxheimer, que são caracterizadas pela ocorrência ou piora dos sintomas gerais, como:

  • Febre;
  • Calafrios;
  • Cefaleia;
  • Dores articulares.

Esse tipo de ocorrência, com um ou mais dos seguintes sintomas, tem sido relatada mesmo após várias semanas de tratamento de borreliose, uma infecção causada por espiroquetas:

  • Erupção cutânea;
  • Prurido;
  • Febre;
  • Leucopenia (redução de leucócitos no sangue);
  • Aumento das enzimas hepáticas (do fígado);
  • Dificuldade em respirar;
  • Desconforto nas articulações.

Até certo ponto estas manifestações são consistentes com os sintomas da doença principal para o qual o paciente está sendo tratado.

Quais são as precauções, interações e contraindicações da Cefotaxima (Cetazima)?

A Cefotaxima não deve ser indicada em casos de alergia ou intolerância a cefalosporinas e penicilinas. O medicamento também é contraindicado para pacientes com histórico de hipersensibilidade à Cefotaxima.

Em caso de dúvida é necessário que o médico esteja presente durante a primeira administração para o tratamento de qualquer possível reação alérgica.

Para tratamento de Cefotaxima contendo Lidocaína como diluente, o medicamento não deve ser utilizado nos seguintes casos:

  • Histórico conhecido de alergia à Lidocaína ou outros anestésicos locais do tipo amida;
  • Obstrução cardíaca, quando a passagem dos sinais elétricos entre o átrio e o ventrículo está prejudicada;
  • Insuficiência cardíaca grave;
  • Administração por via intravenosa;
  • Em crianças com idade abaixo de 30 meses.

O tratamento com Cefotaxima deve ser individual, não sendo adaptável para qualquer outro paciente. Mesmo que os sintomas apresentados sejam iguais, outro paciente pode ter um tipo de infecção diferente e, portanto, a medicação pode não ter a ação esperada, além de causar danos para a saúde.

Pacientes com histórico de reações alérgicas ou tendência à alergia, principalmente com relação a antibióticos betalactâmicos, devem conversar com o médico antes de usar o medicamento.

Havendo qualquer reação de hipersensibilidade, o tratamento deve ser interrompido.

Diarreia, principalmente grave ou persistente, quando ocorre durante o tratamento ou nas semanas iniciais depois do tratamento, principalmente com antibióticos de amplo espectro, pode ser sintomática de doença associada a Clostridium difficile, na sua forma mais severa, com uma infecção do intestino conhecida como colite pseudomembranosa.

É um diagnóstico raro, de condição possivelmente fatal, devendo ser confirmada por endoscopia ou histologia. O diagnóstico mais eficaz para a doença associada ao C. difficile é a investigação das fezes.

Havendo a suspeita de diagnóstico de colite pseudomembranosa, a Cefotaxima deve ser imediatamente interrompida e a terapia com antibiótico apropriado e específico deve ser iniciada sem demora com Vancomicina ou Metronidazol.

A doença associada ao C. difficile pode ser favorecida pela parada de fezes e, nesse caso, medicamentos que inibem a motilidade intestinal não devem ser administrados.

Como acontece com outros antibióticos, o uso prolongado de Cefotaxima pode resultar em crescimento excessivo de organismos resistentes. É necessário avaliar a condição do paciente.

Havendo superinfecção durante a terapia, devem ser tomadas medidas apropriadas.

Interação Medicamentosa

A administração concomitante ou subsequente de medicamentos potencialmente nefrotóxicos, ou seja, que provocam danos às estruturas dos rins, como Furosemida ou aminoglicosídeos, exige um cuidadoso monitoramento da função renal, uma vez que se corre o risco de aumento de creatinina, diminuindo a função renal.

Por inibir a eliminação através da urina, a administração simultânea de Cefotaxima e Probenecida gera um aumento da concentração do antibiótico e prolonga a duração de sua ação no organismo.

A Cefotaxima não pode ser administrada em uma mesma seringa com outros antibióticos ou em mesma solução para infusão.

Fontes:

Dados do Medicamento
Dados do Medicamento
Nomes Comerciais: Cetazima, Ceforan e Clarofan
Princípio ativo: Cefotaxima Sódica
Fabricantes: vários
Descrição: A Cefotaxima Sódica está indicada no tratamento de infecções causadas por micro-organismos sensíveis à cefotaxima sódica.
Dispensa: Medicamento sujeito à receita médica
Administração: Uso Intramuscular / Intravenosa
Apresentação: 1 ou 50 frascos-ampola
Doses: 500mg ou 1000mg
Aplicação: Uso Adulto ou Pediátrico
Posologia: De acordo com orientação médica
Classe: Antibiótico
Com álcool: Não recomendado
Durante a amamentação: Não recomendado
Durante a gravidez: Não recomendado
Download da bula do medicamento Cefotaxima (Cetazima)
Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Avaliação de Serviço
Rating
Excelente
5 4.7
4,116 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço
Avaliação de Produtos
Nossos pacientes adoram o nosso serviço
  • Atendimento ao paciente acessível para todos

    Serviço de atendimento ao paciente: Seg. - Sex. das 06:00h - 17:00h (Horário de Brasília)
  • Todos os serviços estão incluídos no preço

    Consulta médica online, prescrição e entrega + possibilidade de parcelamento
  • Entrega Expressa

    Entrega garantida de 4-6 dias (UPS) ou 7-12 dias (Correios)
Alternativas ao Cefotaxima (Cetazima)
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?