Outros Tratamentos

Octreotida

Comprar Octreotida (Sandostatin) online - Envio e validação de receita médica

  • Octreotida
  • Octreotida
Excelente   4.7 4,586 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço

O Octreotida é o princípio ativo dos medicamentos Sandostin e Sandostin LAR, utilizado para o tratamento de acromegalia e como inibidor de secreções estomacais, sendo um medicamento similar à Somatostatina.

O medicamento pode ser aplicado em situações de hipovolemia, como agente constritor sistêmico ou como agente vasoconstritor em situações de hemorragia esofágica.

Na euroClinix, você pode comprar o medicamento Octreotida (Sandostatin, Sandostatin LAR) online. Basta preencher um questionário e enviar a receita médica emitida pelo seu profissional de saúde.

O Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) está sendo revisado pelo nosso médico parceiro e não podemos aceitar pedidos no momento. Para mais informações, entre em contato com a nossa equipe de atendimento ou deixe seu email para receber notificações quando o Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) estiver aprovado para venda.

Perguntas e respostas sobre como comprar Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) online

Como consigo comprar o medicamento de prescrição Octreotida (Sandostatin) na euroClinix?

O Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) é um medicamento de prescrição e só pode ser comprado online com receita médica. Se você quiser comprar Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) online a euroClinix, você tem que ter em mãos a receita prescrita pelo seu médico ou sua médica. O processo é bastante simples: basta preencher um rápido formulário com informações pessoais e informações do médico ou da médica que emitiu a prescrição e fazer o upload da prescrição no nosso checkout.

É seguro comprar Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) online na euroClinix?

A euroClinix está legalmente autorizada para a venda de medicamentos online pela entidade britânica (MHRA) e também pela Agência Europeia de Medicamentos (veja o final da página abaixo de "Somos Certificados por:"). Se você se deparar com alguma farmácia física ou online que não requisite a prescrição médica ou qualquer dado médico, que tem preços demasiado baixos, não tem atendimento português e não tem um registo de farmácia evidente, além de potencialmente pôr a sua vida em risco, você estará cooperarando com uma atividade criminosa com possíveis implicações legais. Escolha uma opção segura, escolha a euroClinix.

Posso comprar Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) sem receita médica?

Segundo determinação da Anvisa, não é possível comprar Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) sem receita médica. O Octreotida (Sandostatin) é considerado um medicamento de prescrição médica, ou seja, se quiser comprar, o seu estado de saúde terá de ser previamente verificado por um médico fisicamente. Qualquer farmácia física ou na internet que venda Octreotida (Sandostatin) sem receita não está agindo de acordo com a legislação.

Qual é o preço do Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) na euroClinix?

A euroClinix preza pelo seu serviço de excelência. O preço do medicamento Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) inclui todo esse serviço, nomeadamente, o medicamento Octreotida (Sandostatin) original e a entrega grátis em embalagem discreta. Além disso, temos uma equipe de atendimento ao paciente e equipe médica sempre ao dispor para qualquer tipo de esclarecimento.Você pode consultar os preços no início da página.

Ao usar o nosso serviço, você economizará tempo e não precisará visitar uma farmácia local.

Quais os métodos de pagamento disponíveis?

Comprando medicamentos online através da euroClinix, você pode fazer o pagamento da forma que escolher, seja através de cartões de débito ou de crédito (nacional ou internacional) ou por boleto bancário.Aceitamos pagamentos em parcelas de até 6x e também à vista.

Os meus dados estão seguros ao comprar Octreotida ((Sandostatin e Sandostatin LAR) online?

A Privacidade dos nossos pacientes está sempre garantida. Quando você compra Octreotida (Sandostatin) na euroClinix, todos os seus dados estarão totalmente protegidos. Dados pessoais, informações gerais, dados do cartão de crédito e informações médicas, são protegidos pelo sistema de encriptação SSL. Nenhum dos seus dados é compartilhado com terceiros sem o seu consentimento prévio. Também garantimos uma privacidade no processo de envio com a embalagem discreta e também no caso de pagar por cartão, apenas aparecerá no seu extrato a sigla da nossa empresa "HHC" ou do intermediário "goInterpay".

O que é Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

Em pacientes com acromegalia, o Octreotida pode ser indicado para controle dos sintomas e redução dos níveis de hormônios aumentados, como hormônio do crescimento e IGF_1.

Em tumores neuroendócrinos, o Octreotida oferece alívio dos sintomas associados com tumores endócrinos gastroenteropancreáticos funcionais, podendo ser indicado para os seguintes casos:

  • Tumores carcinoides com características de síndrome carcionoide;
  • Vipomas;
  • Glucagonomas;
  • Gastrinomas e síndrome de Zollinger-Ellison, normalmente em associação com terapia de inibidores da bomba de prótons ou antagonista H2, com ou sem antiácidos;
  • Insulinomas, para controle pré-operatório de hipoglicemia e terapia de manutenção;
  • Controle de diarreia refratária associada com o vírus HIV;
  • Prevenção de complicações no pós-cirurgia pancreática;
  • Controle de emergência para cessar o sangramento e proteger contra novas hemorragias provocadas por varizes gastroesofágica em pacientes com cirrose.

Conheça a estrutura química do Octreotida:

geometria-molecular-octreotida

Composição do Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)

O Octreotida está disponível em solução para injeção ou concentrado de solução para infusão, administrado via subcutânea/intravenosa (Sandostatin) e pó para suspensão Injetável, administrado via intramuscular (Sandostatin LAR)

O Sandostatin é comercializado em ampolas contendo 0,05 mg, 0,1 mg ou 0,5 mg de do princípio ativo octreotida como peptídeo livre.

O medicamento contém, como excipientes, ácido acético, acetato de sódio tri-hidratado, cloreto de sódio e água para injetáveis.

O Sandostatin LAR é composto por frascos-ampolas, contendo 10, 20 ou 30 mg de acetato de octreotida como peptídeo livre. Os excipientes incluem poli (DL-lactídeo-co-glicolídio), manitol estéril.

Para os diluentes, a composição de cada seringa preenchida é de carmelose sódica, manitol, poloxâmer e água para injetáveis.

Para o sistema de aplicação, o medicamento também é composto por 1 agulha estéril com protetor de segurança e 1 adaptador de frasco.

Quais as doses disponíveis para o Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

O Sandostatatin (Octreotida) é uma solução para injeção subcutânea ou concentrado de solução para infusão intravenosa e está disponível em embalagens com 5 ampolas, nas doses de em 0,05 mg/ml, 0,1 mg/ml e 0,5 mg/ml.

A solução injetável intramuscular está disponível na marca Sandostatin LAR (Octreotida), com 1 frasco-ampola nas doses de 10 mg, 20 mg e 30 mg. O Sandostatin LAR também contém 1 seringa preenchida com 2 ml ou 2,5 ml de diluente mais um sistema de aplicação com 2 agulhas ou 1 sistema de aplicação contendo 1 agulha estéril com protetor de segurança e 1 adaptador de frasco.

O Octreotida também está disponível como medicamento genérico.

Como funciona o Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

O Octreotida é um derivado sintético da Somatostatina, que age como inibidor da liberação de hormônio do crescimento, glucagon e insulina.

Seu efeito também é vasoconstritor, servindo para eliminar hemorragias principalmente estomacais e pancreáticas, em casos de cirurgias.

O medicamento também elimina os sintomas de diarreia associadas com a síndrome da imunodeficiência adquirida, ou AIDS, previne complicações em pós-cirurgias e atua para controle emergencial em sangramentos gastroesofágicos, principalmente em pacientes portadores de cirrose hepática.

Eficácia e segurança do Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR) de acordo com estudos clínicos

Um estudo de fase III, placebo-controlado, duplo-cego, randomizado, demonstrou que o Octreotida inibe o crescimento de tumores em pacientes com tumores neuroendocrinos avançados de midgut.

Do estudo participaram 85 pacientes, que foram randomizados para receber Tratamento com Octreotida à base de 30 mg a cada 4 semanas, ou placebo por 18 meses, até a progressão tumoral ou morte.

Os critérios utilizados no estudo foram pacientes que não haviam feito tratamento, com diagnóstico confirmado histologicamente de tumor ou carcinoma neuroendócrino, funcionalmente ativo ou inativo, localmente inoperável ou metastático diferenciado, com tumor primário localizado no midgut ou de origem desconhecida, mas suspeitos serem de origem no midgut.

O principal objetivo do estudo foi o tempo para progressão do tumor ou morte a ele relacionada, com base na revisão radiológica central, utilizando os critérios da Organização Mundial de Saúde.

O Octreotida se mostrou superior em tempo para a progressão tumoral, com 26 progressões do grupo de Octreotida e 38 progressões ou morte relacionada ao tumor no grupo de placebo.

O tempo médio para progressão tumoral foi de 14,3 meses, no grupo de Octreotida, e de 5,9 meses no grupo placebo.

Como usar o Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

A depender da condição a ser tratada, o Octreotida pode ser administrado através de injeção subcutânea, sob a pele, infusão intravenosa, ou aplicação intramuscular. O paciente pode aplicar o medicamento, desde que devidamente instruído pelo médico, mas a infusão intravenosa deve ser sempre realizada por um profissional de saúde.

Os braços, as coxas ou o abdômen são áreas para a injeção subcutânea. A injeção sempre deve ser aplicada em novos locais para não irritar uma área específica. Pacientes que irão aplicar a injeção em si mesmos devem receber instruções médicas. Para reduzir a dor no local da injeção é recomendado que, se mantida em geladeira, a ampola atinja a temperatura ambiente, podendo ser aquecido na própria mão, sem utilizar calor externo.

A injeção intramuscular profunda deve ser aplicada na região glútea, alternando-se o local das injeções entre o músculo direito e o esquerdo da região glútea.

Na infusão intravenosa, o Octreotida é estável física e quimicamente por 24 horas em soluções estéreis de soro fisiológico estéril ou soluções de dextrose (glicose) 5% em água.

Contudo, o Octreotida pode afetar a homeostase da glicose, o que leva a recomendar o uso de soluções de soro fisiológico em vez de dextrose.

Soluções diluídas são estáveis em temperatura abaixo de 25°C. No entanto, do ponto de vista microbiológico, a solução deve ser utiliza preferencialmente de imediato. Caso isso não ocorra, o armazenamento antes da utilização é de responsabilidade do aplicador, devendo ser feito entre 2 a 8°C.

Antes da administração a solução deve atingir a temperatura ambiente. O tempo utilizado entre a reconstituição, a diluição com os meios de infusão, o armazenamento em geladeira e o final da administração não deve ser superior a 24 horas.

Antes da utilização é necessário verificar se existem partículas na solução ou alterações na cor, não devendo ser aplicado no caso de algo incomum. Para evitar a contaminação da tampa dos frascos, os mesmos não devem ser perfurados mais do que 10 vezes.

Na acromegalia

O tratamento de acromegalia é geralmente iniciado com 0,05 a 0,1 mg a cada 8 ou 12 horas por injeção subcutânea. O tratamento pode ser alterado conforme o seu efeito e alívio dos sintomas, como cansaço, suor e dor de cabeça. Na maior parte dos pacientes, a dose ideal diária deve ser de 0,1 mg 3 vezes ao dia, com dose máxima de 1,5 mg por dia.

Tumores do trato intestinal

Em tumores do trato intestinal, o tratamento pode ser iniciado com 0,05 mg uma ou duas vezes ao dia através de via subcutânea. Dependendo da resposta e tolerabilidade, a dose pode ser aumentada gradualmente para 0,1 mg a 0,2 mg, 3 vezes ao dia. Em tumores carcinoides, o tratamento deve ser interrompido caso não haja melhora dos sintomas após uma semana de tratamento com a dose máxima tolerada.

Diarreia de pacientes com HIV

Em diarreia resistente ao tratamento convencional em pacientes com AIDS, a dose inicial sugerida é de 0,1 mg, 3 vezes ao dia, por via subcutânea. Caso a diarreia não seja controlada após uma semana de tratamento, a dose pode ser aumentada gradualmente até 0,25 mg, 3 vezes ao dia, quando necessário. No caso de não haver melhor em uma semana, o tratamento deve ser interrompido.

Cirurgia pancreática

Para complicações após cirurgia pancreática, a dose habitual é de 0,1 mg, 3 vezes ao dia, por via subcutânea durante uma semana, começando pelo menos uma hora antes da cirurgia.

Varizes gastroesofágicas

Em sangramento de varizes gastroesofágicas, a dose recomendada é de 25 mg por hora, durante 5 dias, por infusão intravenosa contínua. O acompanhamento dos níveis de açúcar no sangue é necessário durante todo o tratamento.

Se houver cirrose hepática, o médico poderá ajustar a dose de manutenção. Caso o efeito seja forte ou fraco demais, é necessário fazer o ajuste de dose através de consulta médica.

Quais são os efeitos colaterais do Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

O Octreotida, como outros medicamentos de prescrição, pode provocar efeitos colaterais, muito embora não se manifestem em todos os pacientes. Caso o paciente apresente sintomas colaterais, deve informar o seu médico.

Alguns pacientes podem sentir dor no local da injeção subcutânea, que, geralmente, é de curta duração. Caso haja dor, é possível aliviá-la com fricção suave no local da injeção durante alguns segundos após a aplicação.

Os efeitos colaterais podem ser reduzidos quando a aplicação de Octreotida for feita entre as refeições ou antes de dormir. Confira os efeitos colaterais do Octreotida na tabela abaixo:

Efeitos Colaterais do Octreotida (Sandostatin)

Efeitos colaterais muito comuns, que podem ocorrer em até 10% dos pacientes:

  • Cálculos biliares, podendo levar ao desenvolvimento súbito de dor nas costas;
  • Aumento dos níveis de açúcar no sangue.

Efeitos colaterais comuns, que podem ocorrer entre 1 e 10% dos pacientes:

  • Redução da atividade da tireoide (hipotireoidismo), provocando alterações no ritmo cardíaco, no apetite ou no peso, apresentando cansaço, sensação de frio ou inchaço na parte frontal do pescoço;
  • Alterações nos testes da função da tireoide;
  • Inflamação da vesícula biliar;
  • Maior redução dos níveis de açúcar no sangue;
  • Tolerância à glicose prejudicada;
  • Batimentos cardíacos lentos.

Efeitos colaterais incomuns, podendo ocorrer entre 0,1 e 1% dos pacientes:

  • Sede, baixa produção de urina, urina escura, pele seca e corada;
  • Batimentos cardíacos rápidos.

Efeitos colaterais não estimados:

  • Alergia ou hipersensibilidade, apresentando erupção cutânea;
  • Anafilaxia (reação alérgica grave), que provoca dificuldade em respirar e tonturas;
  • Inflamação do pâncreas;
  • Inflamação do fígado (com amarelamento da pele e dos olhos, ou icterícia, náuseas, vômitos, perda de apetite, sensação geral de mal-estar, coceira, urina de cor clara;
  • Batimentos cardíacos irregulares.

Caso o paciente apresente algum desses efeitos colaterais, deve procurar o médico imediatamente.

Quais são as precauções, interações e contraindicações do Octreotida (Sandostatin e Sandostatin LAR)?

Pacientes que apresentarem reações alérgicas à Octreotida ou a qualquer componente de sua fórmula não devem fazer uso do medicamento.

Pacientes tratados com Octreotida devem ser monitorados cuidadosamente, uma vez que, eventualmente, pode ocorrer expansão de tumores hipofisário, secretores do hormônio do crescimento.

Nesse caso, os procedimentos alternativos devem ser tomados.

No tratamento com Octreotida, o paciente deve informar o seu médico se estiver tomando qualquer medicamento para controle da pressão arterial, como betabloqueadores ou bloqueadores de canais de cálcio, além de agentes para controle do balanço hídrico e eletrolítico.

Caso o paciente tenha cálculos biliares ou se já teve no passado, deve informar o seu médico. O uso prolongado de Octreotida pode resultar na formação de novos cálculos, devendo a vesícula biliar ser monitorada periodicamente.

O Octreotida pode afetar os níveis de açúcar no sangue. O paciente deve informar o seu médico se tiver diabetes, devendo chegar os níveis sanguíneos de açúcar regularmente durante o tratamento.

Em casos de tratamento de varizes gastroesofágicas, o acompanhamento dos níveis de açúcar no sangue é obrigatório.

Para pacientes que apresentem histórico de deficiência de vitamina B-12, o médico deve verificar esse nível periodicamente.

Em tratamentos de longo prazo com Octreotida, o médico deve analisar o funcionamento da tireoide periodicamente.

Tratamento em populações especiais

Crianças e adolescentes podem fazer uso de Octreotida, embora a experiência em estudos clínicos seja limitada.

Em pacientes com 65 anos ou mais, não existem requisitos especiais, podendo ser aplicadas as doses recomendadas para cada situação.

Na gravidez e na lactação, o Octreotida deve ser utilizado apenas quando necessário. A paciente deve informar o médico se estiver grávida ou se pretende engravidar.

Não se tem conhecimento se o Octreotida passa para o leite materno. Contudo, é conveniente não amamentar enquanto estiver em tratamento.

Mulheres em idade fértil devem usar um método anticoncepcional eficaz durante o tratamento com Octreotida.

Interação medicamentosa

Além da interação medicamentosa, o Octreotida não deve ser usado perto das horas de refeição, devendo ser aplicado entre as refeições ou antes de dormir, procurando evitar os efeitos colaterais gastrointestinais do medicamento.

Se o paciente estiver fazendo uso de qualquer medicamento, deve informar o seu médico, mesmo com relação àqueles vendidos sem prescrição ou produtos naturais.

Geralmente o paciente pode continuar tomando outros medicamentos durante o tratamento com Octreotida, mas alguns devem ser evitados.

Alguns medicamentos, como a Cimetidina, Ciclosporina, Bromocriptina, Quinidina e Terfenadina, podem ser afetados pelo Octreotida.

Pacientes que fazem uso de medicamentos para controle da pressão arterial, devem informar o seu médico sobre a necessidade de fazer ajuste de dose dos medicamentos. No caso de pacientes diabéticos, também pode ser necessário o ajuste de doses.

Sempre informe o seu médico sobre o uso de outros medicamentos ou de efeitos colaterais indesejáveis.

Fontes:

Dados do Medicamento
Dados do Medicamento
Nome: Sandostatin e Sandostatin LAR
Princípios ativos: Octreotida
Fabricantes: Sandoz GmbH
Descrição: O Sandostatin é indicado para controle sintomático e redução dos níveis plasmáticos do hormônio de crescimento e da IGF-1 em pacientes com acromegalia, inadequadamente controlados por cirurgia ou radioterapia. O tratamento com Sandostatin é também indicado para pacientes acromegálicos inaptos a, ou que não desejem, submeter-se à cirurgia, ou ainda no período de intervalo até que a radioterapia se torne completamente eficaz. O medicamento também é indicado para tratamento de pacientes com sintomas associados a tumores neuroendócrinos gastroenteropancreáticos funcionais, nos quais os sintomas são controlados adequadamente através do tratamento com Sandostatin por via subcutânea.
Dispensa: Medicamento sujeito à receita médica
Administração: Uso Subcutâneo, Intravenoso e Intramuscular
Apresentação: 5 ampolas ou 1 frasco-ampola mais 1 seringa preenchida com 2 ml ou 2,5 ml de diluente mais um sistema de aplicação com 2 agulhas ou 1 sistema de aplicação contendo 1 agulha estéril com protetor de segurança e 1 adaptador de frasco.
Dose: 0,05 mg/ml, 0,1 mg/ml e 0,5 mg/ml ou 10 mg, 20 mg, 30 mg
Aplicação: Uso Adulto
Posologia: De acordo com orientação médica
Classe: inibidor da liberação de hormônio do crescimento, glucagon e insulina
Com álcool: Não especificado
Durante a amamentação: Não recomendado
Durante a gravidez: Não recomendado
Download da bula do medicamento Octreotida
Como Funciona
Escolha o Medicamento
Preencha o Formulário Médico
O médico emite a sua prescrição
Medicamento é enviado da farmácia
Entrega gratuita
Avaliação de Serviço
Rating
Excelente
5 4.7
4,586 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço
Avaliação de Produtos
Nossos pacientes adoram o nosso serviço
  • Atendimento ao paciente acessível para todos

    Serviço de atendimento ao paciente: Seg. - Sex. das 06:00h - 17:00h (Horário de Brasília)
  • Todos os serviços estão incluídos no preço

    Consulta médica online, prescrição e entrega + possibilidade de parcelamento
  • Entrega Expressa

    Entrega garantida de 4-6 dias (UPS) ou 7-12 dias (Correios)
Alternativas ao Octreotida
Feedback

Seu feedback

Como você classificaria o nosso site?